Meteorologia

  • 25 SETEMBRO 2021
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Eduardo Cunha é cassado por 450 votos a 10 e fica inelegível até 2027

O plenário entendeu que Cunha mentiu em depoimento à CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Petrobras, em maio de 2015

Eduardo Cunha é cassado por 450 votos a 10 e fica inelegível até 2027
Notícias ao Minuto Brasil

06:00 - 13/09/16 por Notícias Ao Minuto

Política Votação

A Câmara dos Deputados cassou o mandato de Eduardo Cunha (PMDB/RJ). A votação teve início com atraso na noite desta segunda-feira (12) e terminou com 450 votos a favor da cassação a 10 contra.

O processo durou quase um ano e foi marcado por muitas idas e vindas.

Além dos 450 votos, foram computadas nove abstenções. Eduardo Cunha já havia renunciado à presidência da Casa meses antes. 

O plenário entendeu que Cunha mentiu em depoimento à CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Petrobras, em maio de 2015, ao afirmar que não possuía contas no exterior.

Ele negou as acusações e disse que as contas estão no nome de um trust. Por conta da cassação, ele fica inelegível até 2027.

Leia também: 'Me julguem com isenção', chora Cunha em plenário

Campo obrigatório