Meteorologia

  • 08 ABRIL 2020
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

MP identifica fraudes na eleição para a Câmara Municipal de SP

35% das candidaturas de mulheres foram feitas somente para cumprir a cota feminina determinada por lei

MP identifica fraudes na eleição 
para a Câmara Municipal de SP
Notícias ao Minuto Brasil

19:35 - 27/11/16 por Notícias Ao Minuto

Política Mulher

O Ministério Público vai entrar com ação na Justiça Federal contra fraudes na eleição para a Câmara Municipal de São Paulo para contestar mandatos de vereadores eleitos.

De acordo com a coluna Painel da Folha de S. Paulo, a Promotoria identificou que ao menos 35% das candidaturas de mulheres foram feitas somente para cumprir a cota feminina determinada na constituição.

As mulheres contaram à Promotoria que por não terem recebido qualquer valor do fundo partidário ou doações e por não terem recursos próprios, elas se quer puderam fazer campanhas eleitorais. A maioria delas também havia se filiado ao partido recentemente e concorria pela primeira vez.

“Novatas na política, elas só poderiam disputar se tivessem apoio de seus partidos, mas eles não se dispuseram a oferecer ajuda mínima. Ou seja, os dirigentes já sabiam que eram candidaturas sem qualquer viabilidade”, diz o promotor José Carlos Bonilha.

Leia também: Movimentos populares engrossam coro por impeachment de Temer

Campo obrigatório