Se aprovada delação, Eike deve revelar pagamento de propina a Lula

Empresário afirma ter pago R$ 2,5 milhões em propina para ex-presidente em troca de favorecimento junto à Sete Brasil, diz revista Veja

© Reuters / Ueslei Marcelino
Política bomba! 11:58 - 08/04/17 POR Notícias Ao Minuto

Na tentativa de fechar um acordo de delação premiada, o empresário Eike Batista entregou ao Ministério Público (MP) um resumo do que pretende delatar. Dentre as revelações mais comprometedoras, está o pagamento de R$ 2,5 milhões em propina para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em troca de favorecimento junto à empresa de investimentos ligados ao pré-sal, a Sete Brasil.

PUB

Segundo publicado pela coluna Radar da revista Veja, neste sábado (8), o magnata ainda deve detalhar negociações com parlamentares para a legalização do jogo no Brasil, projeto que está em andamento no Congresso.

Preso desde o dia 30 de janeiro deste ano em Bangu, Eike Batista é acusado de pagar propina ao ex-governador do Rio Sérgio Cabral, dentro de um esquema que ocultou milhões de reais no exterior. O empresário já chegou a dizer que passaria tudo a limpo. No entanto, na sequência, sua defesa negou que ele tivesse interesse em fazer acordo de delação.

Leia também: Da cadeia, Dirceu alerta PT sobre possível prisão de Lula e Dilma

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

X