Codinomes 'Mestre' e 'Tremito' da Odebrecht ainda não foram revelados

Investigadores buscam destinatários finais de propina paga após contrato de R$ 800 milhões da Odebrecht com a Petrobras

© DR
Política LAVA JATO 11:24 - 21/04/17 POR Notícias Ao Minuto

Investigadores da força-tarefa da Lava Jato ainda busca informações sobre a real identidade dos políticos que têm os apelidos 'Mestre' e 'Tremito' na planilha de propina da Odebrecht.

PUB

De acordo com informações da coluna Expresso, da revista Época, os apelidos foram citados em meio às explicações sobre o pagamento de propina a peemedebistas a partir de um contrato de R$ 800 milhões firmado entre a Odebrecht e a Petrobras.

Ainda segundo a revista, a o valor da obra chamou atenção e há indícios de fraude na licitação. Depoimentos de dois ex-executivos da empreiteira dizem que o presidente Michel Temer "abençoou" o contrato. O peemedebista nega.

O Ministério Público Federal foi informado de que o senador cassado Delcídio do Amaral e o que senador Humberto Costa foram beneficiados neste contrato. No entanto, outra parte do do montante teria sido destinado ao PT em contas indicadas pelo ex-tesoureiro do partido João Vaccari Neto.

LEIA TAMBÉM: Deputado cassado no mensalão tenta fundar partido 'Muda Brasil'

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

X