Meteorologia

  • 23 OUTUBRO 2017
Tempo
MIN 6º MÁX 6º

Edição

TRF revê decisão de Moro e define maior pena da Lava Jato

Ex-vice-presidente da empreiteira Mendes Jr. deve pegar 47 anos e 3 meses de prisão

TRF revê decisão de Moro e define maior pena da Lava Jato
Notícias ao Minuto Brasil

20:50 - 19/07/17 por Notícias Ao Minuto

Política Mendes Jr.

A maior pena da Operação Lava Jato até então foi definida nesta quarta-feira (19): o ex-vice-presidente da empreiteira Mendes Jr., Sérgio Cunha Mendes, foi condenado a 47 anos e 3 meses de prisão pelos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e associação criminosa.

Como cita a jornalista Mônica Bergamo na Folha de S. Paulo, o caso está sendo julgado pela 8ª Turma do TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região), da qual fazem parte o desembargador Victor Luiz dos Santos Laus e os magistrados João Pedro Gebran Neto e Leandro Paulsen.

+ Moro manda bloquear R$ 606 mil de Lula

Após um pedido de vista do desembargador, o julgamento acabou sendo suspenso. Mas a decisão deve se manter por já ter o voto dos dois desembargadores.

Anteriormente, o juiz federal Sergio Moro determinou uma pena de 19 anos e 4 meses para Mendes. Mas o trio, que é responsável por apreciar todos os recursos de condenados da força-tarefa, parece não considerar suficiente.

O advogado da empreiteira, Marcelo Leonardo, reclamou da decisão. "Entendemos que a decisão é injusta e não exclui a interposição de recursos, nem a possibilidade de a empresa continuar negociando colaboração", disse ele.

Como lembra a jornalista, os três vão julgar também os recursos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT-SP) e decidir se mantém, anula ou revisa a pena de 9 anos e 6 meses proferida por Moro.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório