Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Empresa que fez campanha de Trump se recusa a assessorar Bolsonaro

Depois de estudar perfil do político nas redes sociais, durante três meses, agência avaliou se tratar de um candidato com imagem “ruim”

Empresa que fez campanha de Trump se recusa a assessorar Bolsonaro
Notícias ao Minuto Brasil

09:28 - 22/01/18 por Notícias Ao Minuto

Política Rejeição

A agência americana Cambridge Analytica, responsável pela campanha de Donald Trump à presidência dos Estados Unidos, foi sondada por aliados do deputado e presidenciável Jair Bolsonaro (PSC-RJ) para assessorá-lo.

Mas, segundo a Coluna do Estadão, depois de analisar o perfil do político nas redes sociais, durante um período de três meses, a empresa negou a proposta. Teria avaliado se tratar de um candidato com imagem “ruim”.

Nas últimas pesquisas de intenção de voto, o deputado aparece em segundo lugar, atrás apenas do ex-presidente Lula (PT).

Questionado sobre o assunto, ainda conforme a coluna, Bolsonaro desconversou. “Se alguém procurou esta agência, foi sem minha autorização. Não tenho dinheiro para contratar uma empresa dessas”, afirmou.

+ Caso Lula entra em semana decisiva; saiba o que pode acontecer dia 24

No início do mês, o presidente do PSL, deputado Luciano Bivar (PE), afirmou que Bolsonaro será candidato à Presidência pelo partido. Se a transferência do deputado para a legenda se confirmar, ele terá R$ 3 milhões para usar na campanha, ou seja, 30% dos R$ 9 milhões do fundo que a legenda deve receber.

Campo obrigatório