Meteorologia

  • 24 JUNHO 2019
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Cármen Lúcia se reúne com PF e discute segurança para julgamento

Habeas corpus do ex-presidente está pautado para a próxima quarta-feira (4) e manifestações são aguardadas

Cármen Lúcia se reúne com PF e discute segurança para julgamento
Notícias ao Minuto Brasil

15:07 - 02/04/18 por Notícias Ao Minuto

Política STF

A segurança para o dia do julgamento de habeas corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no Supremo Tribunal Federal (STF), na próxima quarta-feira (4), levou a presidente da Corte, ministra Cármen Lúcia, a se reunir com o diretor-geral da Polícia federal, Rogério Galloro, nesta segunda-feira (2).

A preocupação é com as manifestações, pró e contra o petista, que já estão sendo marcadas e devem ocorrer nas imediações do Supremo. A região está sob a responsabilidade da Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal, mas contará com o reforço da PF, que auxiliará no monitoramento, segundo informações do portal G1.

+ 'Meu voto já está pronto', diz Fachin sobre habeas corpus de Lula

O habeas corpus foi impetrado pela defesa de Lula para evitar a prisão dele, após condenação em segunda instância. Em janeiro, a 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) revisou a pena imposta ao petista, pelo juiz Sérgio Moro, responsável pela Lava Jato em primeira instância, e aumentou a sentença para 12 anos e um mês de prisão, pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro, no caso do triplex do Guarujá (SP).

Agora, os advogados pedem ao STF que Lula só seja preso quando o processo transitar em julgado, ou seja, quando não couber recurso em mais nenhuma instância da Justiça. Depois do TRF-4, ainda há possibilidade de recorrer ao Supremo e ao Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório