Meteorologia

  • 15 DEZEMBRO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Em nova tentativa, defesa entra com liminar no STF contra prisão Lula

Solicitação foi feita pelo advogado Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay

Em nova tentativa, defesa entra com liminar no STF contra prisão Lula
Notícias ao Minuto Brasil

13:36 - 05/04/18 por Notícias Ao Minuto

Política Estratégia

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva entrou com pedido de liminar, no Supremo Tribunal Federal (STF), para tentar, mais uma vez, impedir a prisão do petista. A solicitação foi feita pelo advogado Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay.

De acordo com informações de O Globo, o recurso deve ser analisado pelo ministro Marco Aurélio Mello, que relata uma ação declaratória de constitucionalidade (ADC) sobre a possibilidade de prisão, após condenação em segunda instância.

Nessa quarta-feira (4), a Corte negou habeas corpus ao ex-presidente, por 6 votos a 5. Marco Aurélio foi um dos que votaram a favor de Lula. Em seu argumento, Kakay diz que a liminar “certamente impedirá a injusta prisão de inúmeras pessoas”.

+ PT vê prisão iminente de Lula e faz reunião de emergência em São Paulo

O advogado ainda criou uma rede de 150 profissionais para auxiliar a defesa do petista. A ideia é que o grupo possa dar sugestões e elaborar estratégias para a ação em tribunais.

Depois do julgamento de ontem, Lula pode ser preso a qualquer momento. Em janeiro último, os desembargadores da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) confirmaram a pena imposta a ele pelo juiz Sérgio Moro, responsável pela Lava Jato em primeira instância, a 12 anos e um mês em regime fechado. O ex-presidente responderá pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro, no caso do tríplex do Guarujá (SP).

No entanto, é provável que Moro aguarde o último recurso a que o petista tem direito no TRF-4, um "embargo do embargo", embora a medida raramente seja aceita pelos desembargadores.

Campo obrigatório