Meteorologia

  • 14 NOVEMBRO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Maioria dos eleitores de Alckmin diz votar em Haddad no segundo turno

Emquanto 46% afirmam apoiar o petista, 31% defendem Bolsonaro, segundo último levantamento Datafolha

Maioria dos eleitores de Alckmin diz votar em Haddad no segundo turno
Notícias ao Minuto Brasil

07:24 - 02/10/18 por Notícias Ao Minuto

Política Articulação

O candidato do PSDB à Presidência da República, Geral Alckmin, não decola nas pesquisas de intenção de voto e tem aparecido na casa dos 8%, ocupando apenas o quarto lugar. Nesta última semana de campanha, deve focar na tentativa de chamar o eleitor à racionalidade.

A ideia é defender que o extremismo representado pelas candidaturas de Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) não é bom para o Brasil. No entanto, poucos ainda acreditam em uma guinada do tucano nesta reta final.

Diante do cenário, em caso de segundo turno, a última pesquisa Datafolha, conforme destaca a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, mostra que a maioria dos eleitores do ex-governador paulista apoiaria o petista: 46%. Já a fatia que migraria para a chapa do militar seria de 31%.

+ Senadores que tentam reeleição não votaram em 28% das sessões

Dentro do PSDB, o apoio para o segundo turno também já começou a ser discutido e divide os integrantes. Conforme reportagem do jornal O Estado de S.Paulo, reservadamente, tucanos admitem que o partido pode viver o maior racha de sua história e "implodir".

Um dos fundadores da legenda, o jurista José Gregori, ex-ministro da Justiça e titular da Secretaria Nacional dos Direitos Humanos no governo Fernando Henrique Cardoso, disse considerar um "equívoco" a aproximação de setores tucanos com Bolsonaro, colocando-se "diametralmente" contra.

Já o líder do PSDB na Câmara, deputado Nilson Leitão, afirmou que apoiará o candidato do PSL. “Vou ser leal ao Geraldo até o último dia, mas, se ele não for para o segundo turno, sou anti-PT e vou encaminhar na bancada o apoio ao Bolsonaro. O PT nós já conhecemos e não podemos experimentar de novo”.

Campo obrigatório