Meteorologia

  • 27 MAIO 2020
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Presidente do PSDB paulistano assumirá articulação política de Covas

Jorge é atualmente o líder do governo na Câmara

Presidente do PSDB paulistano assumirá articulação política de Covas
Notícias ao Minuto Brasil

16:28 - 21/11/18 por Folhapress

Política Cargo

O vereador João Jorge, presidente municipal do PSDB, vai assumir a articulação política da gestão o prefeito Bruno Covas (PSDB). Jorge assumirá a Casa Civil, hoje ocupada por Eduardo Tuma (PSDB), que deve disputar a presidência da Câmara Municipal de São Paulo. A partir de segunda-feira (19), ele deve assumir o cargo e Tuma voltará à Câmara.

"A principal missão, entre outras atribuições, é o relacionamento do Executivo com o Legislativo. Claro que o principal pleito é reforma da Previdência para cessar o enorme déficit com os cofres públicos", disse à Folha de S.Paulo.  

Jorge é atualmente o líder do governo na Câmara. Durante a campanha de João Doria (PSDB) ao governo paulista, o vereador foi figura bastante próxima do ex-prefeito, fazendo com que seu nome também circulasse entre os cotados para integrar o governo estadual. Covas está promovendo uma reforma nas secretarias da prefeitura, com a ideia de trocar diversos nomes e mesclar algumas pastas.

A Prefeitura de São Paulo deve perder progressivamente as feições empresariais que ganhou com Doria para dar lugar a políticos. Dessa forma, Covas contempla o meio político no qual se criou e já começa a estabelecer relações tendo a reeleição em vista.

+ Bolsonaro quer cerimônia mais curta e ato religioso inédito na posse

Filipe Sabará, de Assistência Social, assumirá cargo no governo do estado. Marcos Penido, de Subprefeituras, também assumiu a junção das pastas de Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Energia. Wilson Poit, de Desestatização, está de saída e foi convidado para integrar o governo de Jair Bolsonaro (PSL). Já Fábio Santos, de Comunicação, sai para tocar projetos pessoais. Ele foi convidado para participar da estratégia de comunicação de Bolsonaro, mas não deve aceitar. 

A gestão confirmou ainda Orlando Faria como titular da nova secretaria de Turismo. Ele era secretário executivo e respondia pelo expediente da pasta. Secretário da Casa Civil, o vereador Eduardo Tuma tem amplo favoritismo na disputa com Fernando Holiday (DEM) para a presidência da Câmara. Covas ainda estuda nomes para algumas pastas, e divide sua atenção em duas frentes. Por um lado, procura nomes de jovens tucanos, já que ele tem utilizado o mandato para promover novas lideranças no PSDB. Por outro, planeja conversar com membros de sua base aliada para fortalecer suas relações políticas para a eleição de 2020.

Seguindo tendência evidenciada nas recentes eleições, o prefeito também quer reduzir secretarias para diminuir gastos e desburocratizar processos. Uma das pastas na mira é a de Desestatização. Com informações da Folhapress. 

Campo obrigatório