Meteorologia

  • 15 DEZEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

'Major Olímpio mente descaradamente', diz Joice sobre briga do PSL

As publicações, feitas em redes sociais, são mais um capítulo da briga entre os parlamentares eleitos do PSL

'Major Olímpio mente descaradamente', diz Joice sobre briga do PSL
Notícias ao Minuto Brasil

15:21 - 07/12/18 por Folhapress

Política 'aproveitador'

A deputada eleita Joice Hasselmann (PSL-SP) chamou nesta sexta-feira (7) seu correligionário, o eleito Major Olímpio (SP), de "aproveitador" e disse que o parlamentar "mente descaradamente". 

"@majorolimpio diz a @folha que eu teria vazado os WhatsApps da discussão no PSL. Major mente descaradamente. Até agora só interessou a ele tudo isso. É um aproveitador q usou uma discussão política para vingança pessoal. Esse é o Olímpio. Ñ sou mulher de malandro. Bateu, levou", afirmou.

+ Joice fala por ela e não pelo partido, diz Major Olimpio sobre briga

As publicações, feitas em redes sociais, são mais um capítulo da briga entre os parlamentares eleitos do PSL. Na manhã de sexta, Olímpio afirmou que foi a deputada eleita que teria vazado a discussão entre os dois no grupo da bancada eleita. 

"Não tenho dúvida. Alguém tem?", indagou aos jornalistas durante evento. Ele afirmou ainda que Joice está isolada no partido. "A bancada do PSL não está em conflito. Não há conflito de todos contra um, é só um se adequar", disse. 

Joice reagiu, afirmando que o presidente do diretório estadual paulista do PSL é truculento. 

"Ele comanda o partido com truculência, aos gritos, com ameadas aos desafetos. Expulsou pessoas, tentou me expulsar, colocou os 'seus' nos diretórios e excluiu gente que deu a vida na campanha", escreveu a deputada.

As desavenças entre Olímpio e Joice vêm desde a campanha, em que ela apoiou o candidato do PSDB ao governo do estado, João Doria, enquanto Olímpio declarou voto em Márcio França (PSB). 

Além disso, os dois já haviam se desentendido porque Joice teria supostamente se lançado candidata ao governo pelo partido sem o aval do presidente do diretório. Ela nega e diz que a pré-candidatura, que não se concretizou, foi ideia de um grupo de filiados, e não sua. 

As brigas no grupo de WhatsApp do PSL motivaram o presidente eleito, Jair Bolsonaro, a convocar uma reunião com os parlamentares de seu partido para a próxima quarta-feira (12). O objetivo é tentar apaziguar as tensões. Com informações da Folhapress.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório