Meteorologia

  • 25 JUNHO 2019
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Gleisi culpa Moro e PF por Lula não ir a enterro: 'Perseguição'

Ex-presidente foi liberado pelo STF após duas negativas da Justiça para ir a enterro, mas foi autorizado somente depois da cerimônia

Gleisi culpa Moro e PF por Lula não ir a enterro: 'Perseguição'
Notícias ao Minuto Brasil

15:28 - 30/01/19 por Notícias Ao Minuto

Política SBC

Mesmo após ser autorizado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva decidiu não ir ao encontro da família em São Bernardo do Campo (SP), após sepultamento do seu irmão Genival Inácio da Silva, o Vavá, que morreu vítima de câncer nessa terça-feira (29). O petista havia pedido liberação para acompanhar a cerimônia, no entanto, a autorização do ministro Dias Toffoli (STF) chegou após o enterro de Vavá, nesta quarta-feira (30).

A senadora e presidente do PT, Gleisi Hoffmann, classificou como "maldade" a negativa de duas instâncias da Justiça que impediram a presença de Lula no ato, de acordo com o 'Globo'. O ex-presidente recorreu ao STF após duas negativas.

"Não deu tempo para que o presidente pudesse se deslocar para dar o último adeus ao Vavá. Nós já estávamos com corpo no túmulo (quando chegou a notícia da decisão de Toffoli). Então não tinha como parar o enterro e as condições do corpo não permitiam adiar (o enterro)", disse a senadora em um breve discurso no enterro.

+ Saiba o que diz a lei e por que Lula não pôde ir ao velório do irmão

"Infelizmente a ilegalidade começou com a Polícia Federal. O delegado, que foi o delegado que tomou o depoimento do Lula naquela coercitiva ilegal em Congonhas, foi o delegado que disse que a PF não tinha as condições. E o ministro Sérgio Moro, que é o ministro responsável pela Polícia Federal não teve nenhuma atitude para fazer prevalecer a lei. A gente lamenta muito isso", completou.

Mais cedo, pelo Twitter, Gleisi havia criticado as justificativas dadas pela PF para negar a presença de Lula na cerimônia:

A família de Lula pretende viajar para Curitiba para visitar o ex-presidente na Superintedência da PF nesta quinta-feira (31).

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório