Meteorologia

  • 24 AGOSTO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Defesa pede à Justiça saída de Lula para enterro do neto

Arthur Lula da Silva, de 7 anos, morreu nesta sexta em decorrência de uma meningite meningocócica

Defesa pede à Justiça saída de Lula para enterro do neto
Notícias ao Minuto Brasil

14:40 - 01/03/19 por Notícias Ao Minuto

Política Recurso

Os advogados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva entraram com pedido na Justiça para que ele possa ir ao sepultamento do neto Arthur Lula da Silva, de 7 anos, que morreu nesta sexta-feira (1º), em decorrência de uma meningite meningocócica.

No pedido, a defesa cita o artigo 120 da Lei de Execução, segundo o qual "os condenados que cumprem pena em regime fechado ou semi-aberto e os presos provisórios poderão obter permissão para sair do estabelecimento, mediante escolta, quando ocorrer falecimento ou doença grave do cônjuge, companheira, ascendente, descendente ou irmão".

+ Em dois meses, Moro coleciona recuos após ordens de Bolsonaro

+ Eduardo Bolsonaro comemora saída de Szabó: 'Grande dia'

Em janeiro último, os advogados também solicitaram a liberação do ex-presidente, que está preso em Curitiba (PR) desde abril do ano passado, para que ele pudesse acompanhar o enterro do irmão Vavá.

Na oportunidade, a juíza Carolina Lebbos, responsável pela execução da pena do petista, negou. A defesa recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF). O presidente da Corte, ministro Dias Toffoli, permitiu a saída de Lula. A decisão dele também foi citada pela defesa do ex-presidente nesta sexta.

À época, no entanto, o aval do STF só saiu momentos antes de o corpo de Vavá ser sepultado e, por isso, Lula não conseguiu ir ao enterro.

Campo obrigatório