Meteorologia

  • 23 SETEMBRO 2017
Tempo
16º
MIN 16º MÁX 16º

Edição

Astrônomos resolvem mistério visto no céu ainda no século 15

O recém-chegado astro galático foi testemunhado por astrônomos reais coreanos

Astrônomos resolvem mistério visto no céu ainda no século 15
Notícias ao Minuto Brasil

13:45 - 04/09/17 por Notícias Ao Minuto

Tech 1437

O que pareceu ser uma nova estrela surgiu nos céus em 11 de março de 1437. O recém-chegado astro galático foi testemunhado por astrônomos reais coreanos e pelas poucas pessoas que tomaram notas sobre as estrelas no início do século 15. Eles gravaram o local dela no céu noturno e relataram que, 14 dias depois, ela desapareceu de seu lugar na constelação de Escorpião.

De acordo com o site HypeScience, o mais curioso é que ela desapareceu muito rápido para ser uma supernova, ou para ter morrido em uma explosão de fogo. Em vez disso, os astrônomos coreanos descobriram o que é chamado de Nova Clássica. As estrelas não precisam perecer para produzir eventos explosivos.

Terra está na mira de 16 estrelas; veja os riscos

Durante uma Nova, uma estrela anã branca suga hidrogênio de uma estrela vizinha, se cobrindo de uma camada de gás roubado. A pressão se transforma em um evento cataclísmico. Em 1437, esta anã ejetou sua concha de hidrogênio em um flash tão brilhante que pôde ser visto de Escorpião até Seul.

Quase 600 anos depois, a Nova não é mais 300 mil vezes mais brilhante do que o sol. Mas ainda mantém a atenção dos astrônomos.

Campo obrigatório