Meteorologia

  • 12 DEZEMBRO 2017
Tempo
10º
MIN 10º MÁX 10º

Edição

Armas da Idade do Bronze 'vieram do espaço', afirma estudo

Pesquisa explica como nossos antepassados foram capazes de utilizar metais sem acesso à fundição

Armas da Idade do Bronze 'vieram do espaço', afirma estudo
Notícias ao Minuto Brasil

12:53 - 06/12/17 por Notícias Ao Minuto

Tech extraterreste

Um novo estudo revela que a maior parte do ferro usado na produção de armamentos e artefatos datados da Idade do Bronze, é de fato, de origem extraterreste. A pesquisa explica como nossos antepassados foram capazes de utilizar metais sem acesso à fundição.

O novo estudo foi liderado pelo cientista francês Albert Jambon e publicado na revista 'Journal of Archaeological Science'. Pesquisadores realizaram uma análise geológica para diferenciar metais terrestres e extraterrestres encontrados entre artefatos da Idade do Bronze por todo o mundo. Estudando a porcentagem de ferro, cobalto e níquel encontrados nos artefatos, cientistas criaram um sistema para diferenciar o ferro produzido através da fundição de minério e o "pré-fabricado" de origem meteórica.

Vale destacar que os meteoritos já foram reconhecidos como a maior fonte de ferro, mas a comunidade científica ainda não tem uma opinião de como o ferro meteórico contribuiu para a produção de artefatos de ferro na Idade do Bronze. As armas de ferro criadas durante a Idade do Bronze eram extremamente raras e valiosas.

+ Buracos negros da Via Láctea podem exterminar planetas da nossa galáxia

A equipe de Jambon realizou análises não destrutivas das amostras utilizando um espectrômetro de fluorescência de raios X nos museus onde atualmente se encontram os artefatos.

O minério de ferro terrestre primeiro deve ser reduzido, removendo o oxigênio de dentro, antes que ele possa ser transformado em armas e outros objetos. Contudo, o ferro meteórico já se encontrava em um estado metálico, e assim estava pronto para ser usado, sem a necessidade de inovações anacrônicas como a fundição, que marcou o início da Idade do Ferro.

Corpos celestes como meteoritos, asteroides e cometas surgem quando os planetas se estilhaçam e se fragmentam. 

"Quando grandes corpos celestes estão se formando, tal como nosso planeta, quase todo o níquel se dirige para o núcleo de ferro fundido", assinalam os autores do estudo, indicando que as técnicas de mineração comuns durante a Idade do Bronze não teriam contribuído para extrair quantidades significativas de níquel ou ferro. Com informações da Sputnik Brasil.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório