Meteorologia

  • 16 NOVEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Público pode pilotar em pistas virtuais no Salão do Automóvel de SP

Uma volta completa na pista dura pouco menos de dois minutos

Público pode pilotar em pistas virtuais no Salão do Automóvel de SP
Notícias ao Minuto Brasil

10:41 - 07/11/18 por Folhapress

Tech NOVIDADES

A realidade virtual é um dos recursos mais usados pelas montadoras para interagir com o público no no Salão do Automóvel de São Paulo. Experiências digitais que simulam um test trive numa pista de autódromo ou uma troca de pneus num pit stop levam o visitante do salão para o mundo dos carros.

+ Chevrolet, Renault,Nissan e Audi lançam carros elétricos no Salão de SP

A reportagem experimentou o test drive virtual no estande da Kia Motors. É um percurso no Autódromo de Interlagos a bordo do Stinger GT, um sedã esportivo que atinge 100 km/h em 4,9 segundos. Depois de entrar no carro, o motorista coloca óculos de realidade virtual e começa a dirigir o simulador. Na tela, a pista de Interlagos. Prepare-se para suar e, de preferência, evite a experiência após o almoço. É possível passar mal.

Uma volta completa na pista dura pouco menos de dois minutos. Quanto mais perfeito o percurso, sem batidas no guard-rail e sem sair da pista, maior a pontuação somada ao final. No estande da Toyota também é possível experimentar a sensação de pilotar em uma pista de corridas, desta vez no Circuit de la Sarthe, circuito na França onde se disputa as 24 Horas de Le Mans. Nesse caso, o simulador não fica dentro do carro, como na Kia. Ele é um equipamento com a direção e os mecanismos de troca de marcha iguais aos do carro de corrida TS040, da Gazoo Racing.

Na Chevrolet, um game virtual simula um pit stop em carros de corrida da Stock Car e da Super TC. O visitante pode vivenciar a experiência de trocar pneus com óculos de realidade virtual. Um placar mostra o ranking daqueles que realizaram a operação no menor tempo. Na Volkswagen, há várias atrações que usam realidade virtual. Uma delas é a TSI Xtreme, em que o visitante participa de uma viagem em realidade virtual em 4D por dentro do motor TSI. Não recomendado para os claustrofóbicos.

No estande da Jeep, as atividades são mais radicais, ligadas a aventura, para "casar" com a cara da marca. O visitante pode fazer uma tatuagem em um estúdio instalado no espaço da montadora. Ele escolhe entre 150 desenhos pré-definidos, ligados a natureza, aventura, ou à própria marca Jeep. Para participar, é preciso se cadastrar no Jeep Nation (jeepnation.jeep.com.br ).

Quem não quiser ficar marcado para sempre pode experimentar a parede de escalada. Essa só vale para pessoas com até cem quilos e para crianças a partir dos 4 anos. Já no estande da Bosch dá para experimentar, em dois simuladores, a condução autônoma por meio de realidade virtual. Também é possível conhecer a eficiência da frenagem automática de emergência (automatic emergency braking) nos test drives que a Bosch promove na área externa do Espaço New Mobility. O salão abre para o público na quinta-feira (8) e deve receber mais de 700 mil visitantes até o próximo dia 18. Com informações da Folhapress.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório