Meteorologia

  • 20 JULHO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Mulher liga para a polícia fingindo pedir pizza para denunciar agressor

O caso aconteceu no Paraná e levou à prisão em flagrante do agressor

Mulher liga para a polícia fingindo pedir pizza para denunciar agressor
Notícias ao Minuto Brasil

14:12 - 20/06/24 por Rafael Damas

Justiça Brasil

Uma vítima de violência doméstica ligou, no domingo (16), para o número de emergência da Guarda Municipal para pedir socorro e fingiu que estava encomendando uma pizza. O caso aconteceu no Paraná e levou o agressor em prisão em flagrante.

Quando a mulher pediu uma pizza ao funcionário que a atendeu, ele explicou-lhe que estava ligando para um número de emergência. A insistência da mulher em pedir uma pizza fez com que o funcionário percebesse que se tratava de um pedido do socorro.

O policial Carlos Eduardo Silva explicou que o funcionário pediu então à mulher que se estivesse sendo agredida que dissesse que queria uma pizza com recheio. De imediato a mulher garantiu que queria uma pizza com "muito recheio". O pedido fez com que fossem logo mobilizados os meios para o endereço indicado para a entrega da suposta pizza.

Quando os polícias chegaram à habitação encontraram o filho menor da vítima à espera na rua. Dentro da casa encontrava-se o agressor, sentado no sofá da sala. "Ela [a mulher agredida] explicou que ele aparece na residência dela e ela não tem força para fazer com que ele saia", afirmou Carlos Eduardo Silva.

Segundo as informações reveladas pela Guarda Municipal, o homem estava obrigado pela Justiça a permanecer afastado da mulher, mas não cumpria a ordem. A vítima já tinha chamado a polícia em outras ocasiões, mas o homem fugia sempre antes da chegada dos agentes. 

Desta vez, a mulher fingiu que encomendava comida, conforme já tinha visto noutros casos na televisão, para que o homem não se apercebesse do pedido de socorro.

Leia Também: Chuva de gêmeos! Hospital em Ohio comemora 7 pares de recém-nascidos

Campo obrigatório