Meteorologia

  • 14 DEZEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Mídia mundial destaca falta de Cavani em Neymar

Seria rusga antiga?

Mídia mundial destaca falta de Cavani em Neymar
Notícias ao Minuto Brasil

14:43 - 17/11/18 por Folhapress

Esporte amistoso

A imprensa repercutiu o clima um tanto hostil entre os dois após uma falta de Cavani sobre Neymar. O uruguaio reclamou com a arbitragem, alegando que o brasileiro havia simulado, e, ao se dirigir a ele, mesmo esticando o braço para ajudá-lo a se reerguer, não aliviou a tensão ao jogar a bola em sua direção durante a vitória do Brasil por 1 a 0 sobre o Uruguai.

O L'Equipe, da França, onde jogam os sul-americanos, falou em "desentendimento cordial" entre os atacantes. Já o site da revista France Football afirmou que "a imagem que lembraremos da partida é certamente a relação fria entre Neymar e Cavani".

Neymar e Cavani minimizam jogo 'pegado' em vitória do Brasil

Na Espanha, o Marca destacou o momento em que Neymar recusa a ajuda de Cavani para se levantar. "Cavani foi apertar a mão de seu parceiro de PSG, mas, Neymar, levantando-se, retirou a mão, sensivelmente irritado", escreveu o jornal.

"Uma tentativa de caneta que terminou em falta, assim foi o incidente entre Cavani e Neymar", disse o "AS", também da Espanha.

No Uruguai, o lance foi descrito como tenso pelo jornal Ovación: "O tenso encontro entre Cavani e Neymar no Uruguai x Brasil", escreveu.

RUSGA ANTIGA

Em sua primeira temporada no PSG, Neymar, contratação mais cara da história do futebol, se desentendeu com Cavani por causa de uma cobrança de pênalti. O uruguaio, então obrador oficial, se recusou a deixar o brasileiro cobrar.

Durante uma outra partida do Campeonato Francês, Cavani tentou cobrar uma falta contra o Lyon, mas Dani Alves pegou a bola e não permitiu a cobrança. O brasileiro deu a bola para Neymar cobrar. No mesmo jogo, Cavani voltou a recusar dar a Neymar a chance de cobrar um pênalti.

Segundo o jornal "L'Equipe", Cavani e Neymar chegaram a discutir no vestiário após a partida e foram separados pelos zagueiros brasileiros Marquinhos e Thiago Silva.

Os dois negaram desavenças e afirmaram que era um lance normal de jogo. O treinador do PSG na época, Unai Emery, afirmou que os jogadores deveriam entrar em acordo ou ele decidiria por eles. Com informações da Folhapress.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Transmissões ao vivo dos jogos dos principais times do Brasileirão!

Veja resultados, notícias, entrevistas, fotos, vídeos e os bastidores do mundo do esporte

Obrigado por ter ativado as notificações do Esporte ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório