Meteorologia

  • 01 DEZEMBRO 2020
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Suspeito de furtar celular fica pendurado em prédio de 14 andares em SP

A chefia de investigações do 23º (Perdizes) afirmou que o pedreiro fugiu do coletivo após supostamente ser flagrado tentando pegar o celular de um passageiro

Suspeito de furtar celular fica pendurado em prédio de 14 andares em SP
Notícias ao Minuto Brasil

06:16 - 17/11/20 por Folhapress

Justiça São Paulo

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Um pedreiro de 47 anos ficou pendurado no cabo do para-raio de um prédio em Perdizes (zona oeste da capital paulista), após invadir o local ao fugir de passageiros de um ônibus, onde supostamente furtou um celular, segundo a polícia.

A chefia de investigações do 23º (Perdizes) afirmou que o pedreiro fugiu do coletivo após supostamente ser flagrado tentando pegar o celular de um passageiro. As testemunhas tentaram o conter sem sucesso.

Por isso, ainda segundo a polícia, o pedreiro desembarcou do coletivo e correu pela rua Itapicuru, onde pulou as grades de um condomínio e subiu, correndo pelas escadas, 14 andares do edifício.

No momento em que fugia dos passageiros do ônibus havia uma viatura do Gate (Grupo de Ações Táticas Especiais), da Polícia Militar, em frente ao 23º DP, onde policias militares apresentavam outra ocorrência.

Os PMs tentaram conter o pedreiro, antes de ele invadir o prédio, mas não conseguiram evitar. Ainda segundo a chefia de investigações do distrito, o suspeito se pendurou no fio do para-raio do edifício, onde permaneceu por cerca de três horas, até ser convencido a se entregar.

Bombeiros usaram a técnica de rapel para descer os 14 andares, pela parte externa do edifício, segurando o pedreiro.

O suspeito foi levado a um hospital da região, de onde seria levado em seguida ao 23º DP para prestar esclarecimentos.
Um policial que trabalha no distrito falou que o pedreiro aparentava estar transtornado. Ele não conta com histórico criminal.

Campo obrigatório