Meteorologia

  • 22 JULHO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Joinville (SC) tem 75% da água cortada após vazamento de ácido em rio

O produto químico estava em um caminhão, que tombou na manhã desta segunda-feira (29), após bater em um barranco no km 14 da rodovia SC-418, na serra Dona Francisca

Joinville (SC) tem 75% da água cortada após vazamento de ácido em rio
Notícias ao Minuto Brasil

06:05 - 30/01/24 por Folhapress

Brasil ÁGUA-SC

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Cidade mais populosa de Santa Catarina, Joinville está com 75% do abastecimento de água interrompido por causa de um vazamento de ácido sulfônico em rio.

O produto químico estava em um caminhão, que tombou na manhã desta segunda-feira (29), após bater em um barranco no km 14 da rodovia SC-418, na serra Dona Francisca.

A prefeitura decretou situação de emergência no município, e a captação da estação de tratamento de água do Cubatão foi totalmente fechada às 10h para evitar contaminação com resíduos do produto. A orientação é para que a população economize água.

O corte no fornecimento atingiu ao menos 34 bairros. "O fechamento irá permanecer até que sejam finalizadas as análises químicas das amostras coletadas e que seja comprovado que não há risco para o consumo", disse a prefeitura em suas redes sociais, alertando para a falta de água.

Segundo o município, a água armazenada em caixas d'água ou que chegar nas torneiras está própria para consumo.

A administração municipal da cidade de 616,3 mil habitantes afirmou que o avanço do ácido para águas da região foi constatado em um sobrevoo do prefeito Adriano Silva (Novo) de helicóptero. Um gabinete de crise foi montado para monitorar a situação.

Técnicos da Companhia Águas de Joinville supervisionam a água do rio Cubatão, com coleta para análise a cada meia hora, desde as 10h30.

Na primeira medição, feita meia hora após o fechamento preventivo da captação, o índice de contaminação da água do rio era de 0,19 mg do componente químico por litro de água. "O valor aceitável para o a presença do componente é de 0,5 mg/l", disse trecho do texto.

Às 14h30, cerca de uma hora depois que a espuma que indica a presença do componente chegar às proximidades da ETA Cubatão, o índice atingiu o pico, de 1,09 mg/l. Na medição das 16h30, a taxa já havia baixado para 0,63 mg/l.

"As medições apontam para uma redução na taxa de contaminação, mas ainda não há previsão de abertura da captação e normalização dos serviços", afirmou a prefeitura, em nota no início da noite.

Segundo a Companhia de Águas, o ácido sulfônico é utilizado como matéria ativa na produção de detergentes, xampus e cremes dentais.

"Em concentrações normais, o ácido lineal alquilbenceno sulfônico não apresenta característica tóxica para humanos, para a fauna ou para a flora."

O Procon catarinense disse ter recebido uma denúncia de aumento repentino no preço da água no comércio de Joinville e que está monitorando possíveis abusos.

Por causa do acidente, a rodovia SC-418 foi interditada. O motorista, de 59 anos, teve de ser internado no Hospital Municipal São José, com ferimentos pelo corpo e não tem previsão de alta.

À Polícia Militar, o condutor do veículo disse que o acidente ocorreu por falta de freios no caminhão.

Leia Também: Vazamento de produto químico interrompe captação de água na cidade mais populosa de SC

Campo obrigatório