Meteorologia

  • 19 JULHO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Estudante passa 53 dias preso por ter nome similar ao de suspeito, diz mãe

Após o erro, Luiz Brendo Mac Dovel do Nascimento teve o alvará de soltura expedido na quinta (1°)

Estudante passa 53 dias preso por ter nome similar ao de suspeito, diz mãe
Notícias ao Minuto Brasil

20:15 - 04/02/24 por Folhapress

Justiça Goiás

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Um jovem de 23 anos foi solto na sexta-feira (2) após passar 53 dias preso por engano, em Aparecida de Goiânia, cidade localizada em Goiás.

Estudante de direito ficou quase 2 meses preso por ter o nome parecido com o de um suspeito, relatou a mãe da vítima à TV Anhanguera. Após o erro, Luiz Brendo Mac Dovel do Nascimento teve o alvará de soltura expedido na quinta (1°) e ele foi solto no dia seguinte.

O jovem contou que recebeu uma intimação da polícia e, no dia 12 de dezembro de 2023, procurou as autoridades para saber do que se tratava. "Ele [policial] falou que tinha um mandado de prisão, de assalto em São José (SC), mas falei que não tinha nada a ver", disse.

Luiz tinha ido para Santa Catarina, data do crime, para fazer uma prova do Exército.

Policial se comoveu com o relato da mãe durante uma visita que ela fez ao filho. A informação é da DGAP (Diretoria-Geral de Administração Penitenciária), ainda de acordo com a TV Anhanguera.

Quando os agentes foram verificar, perceberam que um homem com ficha criminal tem dados parecidos com o de Luiz. Eles também têm a mesma naturalidade e o mesmo ano de nascimento.

"Foi difícil. Fiquei cinco dias sem escovar os dentes, sem tomar banho e dormindo no chão.", disse Luiz Brendo Mac Dove, à TV Anhanguera.

Outro lado

A Polícia Civil de Goiás afirmou que "adota as cautelas cabíveis ao cumprimento dos mandados de prisão e o cumprimento é informado ao Poder Judiciário em até 24 horas", disse em nota enviada à TV.

Campo obrigatório