Meteorologia

  • 23 JANEIRO 2019
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Doria diz que atentado na Catedral não tem relação com porte de arma

Segundo o governador eleito, ataque não foi uma ação planejada por um criminoso, mas um ato praticado por uma pessoa desequilibrada

Doria diz que atentado na Catedral não tem relação com porte de arma
Notícias ao Minuto Brasil

18:20 - 12/12/18 por Notícias Ao Minuto

Brasil campinas

O governador eleito de São Paulo, João Doria (PSDB), prestou solidariedade às famílias das vítimas do ataque à Catedral de Campinas, bem como aos feridos e afetados no atentado. Doria disse porém que a tragédia, com seis mortos, incluindo o atirador Euler Fernando Grandolpho, não tem vínculo com o debate da flexibilização do porte de armas no país. “Não vejo correlação entre esse fato lamentável e triste com o tema relativo a porte de armas”, disse.

Segundo Doria, o ataque não foi uma ação planejada por um criminoso, mas um ato praticado por uma pessoa desequilibrada, como indica a apuração da polícia de São Paulo. “Foi fruto do desequilíbrio de uma pessoa. Não há relação com a flexibilização do porte de armas. Esse é um debate que tem de prosseguir. Acho que é um debate positivo para a sociedade”, argumentou Doria, após a reunião dos governadores para tratar de segurança pública. Com informações da Agência Brasil.

Leia também: Catedral palco de ataque celebra missa para vítimas em Campinas

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório