Meteorologia

  • 22 NOVEMBRO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Morre o ator John Hurt, de "Expresso da Meia-Noite" e "Harry Potter"

Aclamado com prêmios como o Bafta e Globo de Ouro, astro tinha 77 anos

Morre o ator John Hurt, de "Expresso 
da Meia-Noite" e "Harry Potter"
Notícias ao Minuto Brasil

05:27 - 28/01/17 por Notícias Ao Minuto

Cultura Luto

Aclamado por longas-metragens como "Expresso da Meia-Noite"(1978), John Hurt faleceu nesta sexta-feira (27), em Londres. O astro britânico tinha completado 77 anos há cinco dias. A morte foi confirmada pelo agente do ator, Charles McDonald, nas primeiras horas deste sábado (28), mas a causa não foi divulgada.

Recentemente aplaudido por "Jackie" (2016), Hurt fez tratamento contra um câncer no pâncreas, em 2015. Em outubro, o ator anunciou ter entrado em remissão da doença.

Antes de mesmo de "Expresso da Meia-Noite", papel que lhe rendeu uma indicação ao Oscar e um Globo de Ouro, John Hurt chamou a atenção pela interpretação do homossexual militante Quentin Crisp, no telefilme "The Naked Civil Servant", de 1975.

John Hurt foi indicado ao Oscar também por “The Elephant Man” (1981). Mel Brooks, produtor executivo deste longa, lamentou a morte do colega no Twitter: "Extremamente triste em saber da morte de John Hurt hoje. Ele era realmente um talento magnífico".

Em 2012, o astro recebeu um prêmio Bafta,o Oscar inglês, pela longeva carreira de contribuição ao cinema. John Hurt nasceu em 1940, filho de um clérigo anglicano e de uma mãe engenheira. Frequentou a Royal Academy of Dramatic Art.

A morte do ator ficou entre os assuntos mais comentados no Twitter. Querido por ter dado vida a Olivaras na série cinematográfica "Harry Potter", Hurt foi homenageado com a hashtag #wandsup (varinhas para cima), em referência à homenagem recebida pelo personagem Alvus Dumbledore, no livro de J.K. Rowling.

Leia também: 'Os Gêmeos' criticam combate de Doria a grafites e pichações

Campo obrigatório