Meteorologia

  • 21 OUTUBRO 2021
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Bahia vence Botafogo com gol de pênalti no último lance

Bahia vence Botafogo com gol de pênalti no último lance

Bahia vence Botafogo com gol de pênalti no último lance
Notícias ao Minuto Brasil

08:41 - 09/11/20 por Folhapress

Esporte Vitória

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Buscando a vitória para se afastar das últimas colocações do Campeonato Brasileiro, Bahia e Botafogo se enfrentaram neste domingo (8) em partida válida pela 20ª rodada, a primeira do returno. Em um jogo pouco movimentado, o time baiano venceu por 1 a 0 com gol de Rodriguinho, de pênalti, no último lance da partida.

Com o resultado, o time comandado pelo técnico Mano Menezes sobe na tabela de classificação, porém o clube carioca entra na zona de rebaixamento e tentará a todo custo vencer nas próximas semanas.

Na próxima rodada, o Botafogo recebe o RB Bragantino e terá a chance de se distanciar da zona de rebaixamento contra um adversário direto. Já o Bahia fará no meio de semana uma partida atrasada, válida pela 18ª rodada, diante do Fortaleza.

HONDA E PEDRO RAUL POUPADOS

Destaques do elenco atual do Botafogo, Honda e Pedro Raul não entraram em campo por opção da comissão técnica. De acordo com o clube, o objetivo era preservar os atletas e evitar um desgaste muscular maior nos dois jogadores.

CAVALIERI TESTA POSITIVO

Com a ausência, de Gatito, Cavalieiri é quem tomou conta do gol do Botafogo. No entanto, o experiente goleiro testou positivo para a COVID-19 e foi ausência na partida deste fim de semana, dando espaço para Saulo, terceira opção nesta posição do time carioca.

GUILHERME SANTOS SAI DE CAMPO CHORANDO

A tarde não foi das melhores para Guilherme Santos. Isso porque o jogador sentiu fortes dores na perna esquerda após chute de fora da área e saiu de campo chorando, sendo substituído com apenas 14 minutos de jogo.

VAR 'SALVA' GOLEIRO DO BOTAFOGO

Aos 43 minutos, o Bahia marcou o gol com Fessin, após uma falha bizarra do goleiro do Botafogo. No entanto, o árbitro de vídeo mostrou ao juiz de campo que houve uma falta do jogador dos donos da casa muitos segundos antes, anulando assim a marcação.

QUEM FOI BEM: SISTEMA DEFENSIVO DO BAHIA

É verdade que o ataque do Botafogo teve uma atuação fraca, porém a dupla de zaga formada por Lucas Fonseca e Anderson Martins, além dos laterais, fizeram um trabalho preciso. Seguros, impediram investidas do adversário e ajudaram na saída de bola.

QUEM FOI MAL: DANIEL

O meia do Bahia não teve uma noite positiva, já que teve muita dificuldade na armação de jogadas e de sair da forte marcação do Botafogo. Com isso, foi substituído no meio do segundo tempo, dando lugar ao atacante Gilberto.

ATUAÇÃO DO BOTAFOGO

As ausências de Honda e Pedro Raul diminuíram o poderio financeiro do clube carioca, que mal criou durante os noventa minutos. A estratégia era preencher o meio-campo e dificultar as investidas rápidas dos pontas do Bahia.

ATUAÇÃO DO BAHIA

Atuando em casa, o time dirigido pelo técnico Mano Menezes tentou comandar o jogo e ter a posse de bola, porém a falta de criatividade e intensidade no meio campo para frente dificultou a estratégia do time. A saída foi aproveitar os erros do adversário, que aconteceu na reta final com Saulo, porém o VAR anulou o gol por uma falta no início do contra-ataque.

O JOGO
A partida começou com muita marcação e pouca criatividade pelas duas equipes. A postura defensiva e menos ousada de ambos têm relação com a posição de Bahia e Botafogo na tabela do Campeonato Brasileiro, já que entraram em campo na décima quinta e décima quarta colocação, respectivamente.

Com isso, os primeiros vinte minutos não geraram qualquer chance de perigo para as metas defendidas por Douglas e Saulo, espectadores até então. As poucas oportunidades perto da área não eram concluídas em gol ou bloqueadas pela defesa adversária.

No final do primeiro tempo, o Bahia marca após falha grosseira do goleiro Saulo, porém o juiz anulou o gol após o VAR mostrar a imagem de uma falta ainda no campo de defesa do clube baiano, o suficiente para anular a marcação.

O segundo tempo não foi muito diferente da primeira etapa, com os dois times apresentando enorme dificuldade em criar chances reais de gol. Com o tempo diminuindo, mais lento ficava a partida e os lançamentos de longa distância começaram a ser vistos como forma principal de chegar ao setor ofensivo.

Curiosamente, a partida registrou a primeira chance real de gol no último lance, em pênalti marcado para o Bahia, já que os poucos arremates em direção às metas foram encima dos goleiros ou com pouca força .Na cobrança, gol de Rodriguinho para garantir a vitória dos donos da casa.

BAHIA

Douglas Friedrich; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Anderson Martins e Juninho Capixaba; Gregore, Elias e Daniel (Gilberto); Rossi (Rodriguinho), Fessin (Alesson) e Élber (Marco Antônio). Técnico: Mano Menezes

BOTAFOGO

Saulo; Kevin, Marcelo Benevenuto, Kanu e Victor Luis; José Welison (Luiz Otávio), Caio Alexandre e Bruno Nazário; Kelvin (Kalou), Matheus Babi e Guilherme Santos (Davi Araújo)(Éber Bessa). Técnico: Flávio TeniusLocal: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)

Árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (GO)

Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva (GO) e Leone Carvalho Rocha (GO)

VAR: Wagner Reway (PB)

Cartões amarelos: Gregore e Elias (Bahia); Matheus Babi, Bruno Nazário e Marcelo Benevenuto (Botafogo)

Gol: Rodriguinho, aos 53 minutos do segundo tempo

Transmissões ao vivo dos jogos dos principais times do Brasileirão!

Veja resultados, notícias, entrevistas, fotos, vídeos e os bastidores do mundo do esporte

Obrigado por ter ativado as notificações do Esporte ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório