Botafogo elimina campeão e vai às oitavas da Liberta após 21 anos

Com o resultado, o vice-líder Botafogo chega aos dez pontos, e só perde em saldo de gols para o primeiro colocado do grupo 1, o Barcelona

© Vitor Silva/SSPress/Botafogo
Esporte EVOLUÇÃO 04:48 - 19/05/17 POR Folhapress

O Botafogo se classificou antecipadamente para as oitavas de final da Copa Libertadores. O time alvinegro venceu por 1 a 0 e eliminou o Atlético Nacional (COL) nesta quinta-feira (18), no Engenhão, em duelo válido pela quinta rodada.

PUB

A equipe de General Osório precisaria apenas de um empate para se classificar à próxima fase caso o Estudiantes (ARG), lanterna do Grupo 1, não vencesse o líder Barcelona de Guayaquil (EQU) em confronto anterior ao do Rio. Os argentinos, porém, mostraram força e venceram por 3 a 0.

Deste modo, o Botafogo entrou em campo sabendo que só a vitória interessava. Mas, diferentemente do confronto com o Barcelona na última rodada, o time de Jair Ventura não foi a campo tão ofensivo - a formação tinha dois atacantes e meio campo reforçado, mantendo uma postura mais contida.

Aos 3min do primeiro tempo, Roger, sem goleiro, acertou a trave. O lance de gol foi um dos poucos nesta etapa do jogo - os dois times evitaram se arriscar e criaram poucas chances de gol.

O volante Rodrigo Lindoso ainda marcou um gol no tempo inicial, mas o tento foi anulado corretamente após a arbitragem anotar impedimento de Roger, responsável pela assistência.

Na parte final do jogo, Rodrigo Pimpão recebeu ótimo passe de Lindoso, aos 5min, e não desperdiçou. O atacante alvinegro chutou cruzado para abrir o placar. Já nos últimos quinze minutos, o Botafogo teve chances com Guilherme e Joel Carli, mas não ampliou a vantagem.

Com o resultado, o vice-líder Botafogo chega aos dez pontos, e só perde em saldo de gols para o primeiro colocado do grupo 1, o Barcelona. Na última rodada desta fase, os cariocas enfrentam o Estudiantes na próxima quinta-feira (15), em Buenos Aires.

BOTAFOGO

Gatito; Emerson Santos, Joel Carli, Rabelo e Victor Luis; Lindoso, Bruno Silva, João Paulo e Camilo (Dudu Cearense); Rodrigo Pimpão (Gilson) e Roger (Guilherme). Técnico: Jair Ventura

ATLÉTICO NACIONAL

Armani; Bocanegra, Carlos Cuesta, Alexis Henriquez e Díaz; Ramirez (Ruiz), Arias, Macnelly Torres; Ibarguen, Quiñones (Nieto) e Daryo Moreno. Técnico: Reinaldo Rueda

Estádio: Engenhão, no Rio

Juiz: Victor Carrillo (PER)

Cartões amarelo: Alexis Henriquez (ATL); Rodrigo Pimpão (BOT)

Gol: Rodrigo Pimpão (BOT), aos 5min do segundo tempo

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

X