Meteorologia

  • 18 SETEMBRO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Dado Dolabella diz estar fora da TV por opção: 'indústria assassina'

O ator disse que 'a mídia é controlada por uma indústria assassina'

Dado Dolabella diz estar fora da TV por opção: 'indústria assassina'
Notícias ao Minuto Brasil

18:00 - 17/08/19 por Folhapress

Fama Ator

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Longe da televisão desde 2012, quando fez sua última novela da Record, "Máscaras", Dado Dolabella, 39, diz estar tranquilo com essa situação.

Segundo ele, a TV vai contra seu posicionamento ideológico, por ter como patrocinadora a indústria de alimentos de origem animal.

Em entrevista ao jornal "O Dia", Dado disse que prefere boicotar as emissoras e buscar um caminho alternativo para sua arte."Fazer novela, no momento, não é interessante para mim. Todas as emissoras abertas são patrocinadas por aquilo que considero o mal da sociedade, que é alimentação de origem animal. Tenho me afastado da mídia desde que me tornei vegano", contou Dado.

Desde que virou vegano, em 2015, o ator tem adotado uma linha radical."A grande mídia é controlada por essa indústria que assassina e destrói os animais e o meio ambiente e deixa as pessoas doentes, alimentando uma outra indústria: a farmacêutica", continuou.

Vale lembrar que, em 2014, o ator foi demitido da Record após brigar com um produtor. Ele perdeu o papel de destaque na novela "Vitória" e um salário de R$ 50 mil.

Pai de três filhos, Eduardo e João Valentim, de dez anos, e Ana Flor, de 7, ele foi preso no início de 2018 por não pagar pensão."Estou buscando um caminho alternativo para a minha arte porque não deve ser só um sinônimo de beleza, mas de luz, de informação, principalmente. Tenho divulgado a minha arte nas redes sociais. O ator nunca parou de atuar dentro de mim", concluiu.

Receba as notícias dos famosos, novelas, BBB e outros reality shows.

O mundo das celebridades com fotos, vídeos e noticias de actores, actrizes e famosos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Fama ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório