Meteorologia

  • 17 DEZEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Após polêmica, Globo inclui nomes de ex-alunos de Aguinaldo em novela

A autoria do folhetim é disputada na Justiça

Após polêmica, Globo inclui nomes de ex-alunos de Aguinaldo em novela
Notícias ao Minuto Brasil

05:59 - 13/11/18 por Folhapress

Fama O SÉTIMO GUARDIÃO

Nova novela das nove da Globo, "O Sétimo Guardião" foi ao ar na noite desta segunda (12) exibindo nos créditos finais os nomes dos 26 alunos que participaram de um curso ministrado por Aguinaldo Silva em 2015. A autoria do folhetim é disputada na Justiça. 

Silvio Cerceau, um dos estudantes que tiveram aulas com Aguinaldo, reivindica que sua participação na elaboração da trama seja creditada e que ele receba 1/27 do valor do que ele chama de venda da novela à Globo. 

+ Marido de Claudia Leitte fala sobre situação com Silvio Santos

Ele afirma ter sido o responsável pelo argumento da novela e acusa o teledramaturgo de ter usado ideias dadas pelos estudantes durante as aulas sem lhes dar o devido crédito.

Já Aguinaldo afirma que a participação dos alunos na elaboração de cenas "foi ínfima", que os "pequeninos textos" foram reformulados pelo autor e que, mesmo se não tivesse sido o caso, todos os estudantes assinaram um termo de cessão de direitos autorais.

Fora dos autos do processo, seis outros alunos escreveram uma carta aberta também reivindicando coautoria na elaboração da trama.

Eles dizem que ajudaram a compor os elementos que constam da versão final do texto, como a existência de um gato que se comunica com as pessoas, os guardiões, a vilã dona de fábrica de cosméticos, o mocinho filho da vilã, e a mocinha sensitiva. Com informações da Folhapress.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as notícias dos famosos, novelas, BBB e outros reality shows.

O mundo das celebridades com fotos, vídeos e noticias de actores, actrizes e famosos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Fama ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório