Meteorologia

  • 18 AGOSTO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Após queda de prédio, pelo menos sete pessoas morrem no Quênia

Equipes buscam sobreviventes no desmoronamento que aconteceu em Nairóbi na noite de sexta (29)

Após queda de prédio, pelo menos sete pessoas morrem no Quênia
Notícias ao Minuto Brasil

09:53 - 30/04/16 por Folhapress

Mundo Desmoronamento

Equipes de resgate buscam neste sábado (30) por sobreviventes nos escombros de um prédio de seis andares que desmoronou em Nairóbi, no Quênia. Ao menos sete morreram, cinco crianças e dois adultos.

O prédio estava condenado pelas autoridades e desmoronou após dias de fortes chuvas na região.

"Ainda estamos ouvindo algumas vozes nos escombros", disse o diretor do Centro de Operações de Desastres Nacional Nathan Kigotho. "Nós não temos um número exato de pessoas enterradas sob os escombros."

O prédio fica em uma área pobre de Huruma, no leste de Nairóbi. Ao todo, havia 198 quartos.

Alguns moradores conseguiram escapar antes do desmoronamento de sexta-feira à noite e 133 pessoas foram resgatadas. Segundo a polícia, 120 foram levados ao hospital.

O presidente queniano, Uhuru Kenyatta, visitou o local e pediu a prisão dos proprietários. "[As autoridades] devem investigar imediatamente todas as casas da região para descobrir quais delas estão sob risco de colapso", disse a Presidência, em comunicado. Segundo a Cruz Vermelha, ao menos 150 imóveis da região foram afetados.

Kigotho disse que a causa do desmoronamento deve estar relacionada com a proximidade de um rio local. "A água deve ter danificado a fundação", disse.

O desmoronamento atingiu os andares mais baixos do prédio e deixou os andares mais altos quase intactos. Restos de móveis, colchões e roupas eram visíveis em meio aos escombros.

"Está chovendo e essas casas foram construídas sem a autorização necessária", disse Jonathan Mueke, vice-governador do Condado de Nairóbi. "Estou pedindo aos moradores da área que deixem suas casas."

Moradores aplaudiram na madrugada quando bombeiros retiraram um sobrevivente dos escombros. Outros aplaudiram a visita do presidente ao local. Com informações da Folhapress.

Campo obrigatório