Cresce número de grupos racistas e xenófobos no Canadá

Alvos mais comuns são muçulmanos, judeus, minorias mais visíveis e a população aborígene

© Pixabay
Mundo Alerta 05:17 - 19/10/16 POR Notícias Ao Minuto

Pôsteres com mensagens contra muçulmanos e a religião monoteísta indiana sikh, e panfletos da organização supremacista branca Ku Klux Klan espalhados por cidades canadenses e nos campi universitários acendem um sinal de alerta para o crescimento de grupos racistas e xenófobos no país.

PUB

Esses incidentes contrastam com a imagem do Canadá como país aberto e multicultural, e que recentemente abriu as portas para cerca de 30 mil refugiados sírios.

De acordo com informações dda BBC News, a polícia investiga os casos.

"Há muitas indicações de ressurgência do extremismo de direita e do terrorismo no mundo ocidental e não há razões especiais pelas quais o Canadá não sentiria os mesmos efeitos", analisou o pesquisador James Ellis, da Rede Canadense para a Pesquisa sobre Terrorismo, Segurança e Sociedade.

Para ele, a extrema direita no Canadá se fortaleceu com a retórica anti-imigração que circula nos Estados Unidos.

Ainda de acordo com a BBC News, há cerca de cem grupos de extrema direita ativos no Canadá nos últimos anos. O monitoramento da violência ligada ao extremismo mostra que os alvos mais comuns são muçulmanos, judeus, minorias mais visíveis e a população aborígene.

Leia também: Europa teme que queda do EI em Mossul aumente fluxo de extremistas

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

X