Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Brett Kavanaugh monta equipe só de mulheres após acusação de abuso

Cada um dos nove juízes tem direito a quatro assessores

Brett Kavanaugh monta equipe só de mulheres após acusação de abuso
Notícias ao Minuto Brasil

22:21 - 09/10/18 por Folhapress

Mundo Suprema Corte

Acusado de agressões sexuais por três mulheres, Brett Kavanaugh começou nesta terça-feira (9) a trabalhar na Suprema Corte com uma equipe de assessoras legais toda formada por mulheres.

É a primeira vez na história do tribunal que um juiz terá uma equipe toda feminina, segundo o jornal The New York Times. E, com isso, a maioria dos 36 assessores legais da corte serão mulheres, algo também inédito.

Cada um dos nove juízes tem direito a quatro assessores do tipo (conhecidos em inglês como "clerks") que os auxiliam a decidir quais casos serão aceitos, os preparam para debates e até escrevem parte dos votos.

+ Solteira, ex-BBB Emilly Araújo revela: 'Nunca levei um fora'

Devido ao prestígio das vagas, elas costumam ser bastante disputadas por jovens advogados. Na história da Suprema Corte oito juízes -incluindo o próprio Kavanaugh- foram assessores legais no tribunal.

Antes de chegar à Suprema Corte, Kavanaugh atuou por 12 anos na Corte de Apelações para o Distrito de Columbia (onde fica a capital, Washington) e já costumava defender a contratação de mulheres, dizem seus apoiadores –foram 25 entre os 48 assessores legais que teve.

Indicado pelo presidente Donald Trump em julho para substituir o aposentado Anthony Kennedy, Kavanaugh quase perdeu a vaga após as denúncias de agressão sexual. O senado só confirmou seu nome no sábado (6) com 50 votos favoráveis e 48 contrários, garantindo assim uma maioria conservadora no tribunal.

Deixando para trás o processo de confirmação ele estreou na Suprema Corte participando ativamente de argumentações ao lado de seus oito colegas. Kavanaugh fez várias perguntas durante as argumentações orais envolvendo uma lei federal de atribuição de penas para criminosos reincidentes.

Em clima de primeiro dia de aula, ele foi acompanhado pela família, que assistiu ao debate das tribunas, assim como Kennedy, seu antecessor. Do lado de fora, porém, foi alvo de protesto de um grupo de mulheres. Com informações da Folhapress. 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório