Meteorologia

  • 16 DEZEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

93% das escolas municipais de SP aderem à greve contra reforma de Doria

Quase metade das unidades de ensino estão em paralisação total, informa a Secretaria Municipal de Educação

93% das escolas municipais de SP aderem à greve contra reforma de Doria
Notícias ao Minuto Brasil

14:55 - 14/03/18 por Notícias Ao Minuto

Brasil educação

A greve de professores da rede municipal de ensino de São Paulo afeta 93% das 1.550 escolas que são administradas pela Prefeitura, segundo balanço divulgado pela Secretaria Municipal de Educação na terça-feira (13). Os docentes protestam conta a reforma da Previdência imposta pela gestão de João Doria. As informações são do G1.

A pasta informa que, do total de escolas do município, 46% aderiram à paralisação totalmente, 47% funcionam parcialmente e somente 7% operam normalmente. Nesta quarta (14), professores municipais fizeram uma manifestação em frente à Câmara Municipal, no Viaduto Jacareí.

+ Disciplina que marcou a ditadura deverá voltar às escolas de Brasília

Segundo o Sindicato dos Profissionais em Educação no Ensino Municipal (SINPEEM), cerca de 220 mil servidores serão afetados caso a reforma seja aprovada. A principal reivindicação é contra o aumento da contribuição previdenciária, que poderá passar de 11% para até 19%.

A Prefeitura de São Paulo informa que gasta R$ 1 bilhão por mês com os salários de 120 mil funcionários. Mais R$ 650 milhões vão para as aposentadorias de 97 mil ex-servidores. O governo municipal alega ter utilizado, somente em 2017, ter usado R$ 4,7 bilhões para conseguir fechar a folha de pagamentos.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório