Meteorologia

  • 16 JUNHO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Grêmio recebe o Caxias para manter hegemonia no Gauchão com 6º título seguido

O Grêmio levantou o caneco nos últimos cinco anos, duas vezes contra o Internacional, e uma vez contra Brasil, Ypiranga e o próprio Caxias, este último em 2020.

Grêmio recebe o Caxias para manter hegemonia no Gauchão com 6º título seguido
Notícias ao Minuto Brasil

08:00 - 08/04/23 por Estadao Conteudo

Esporte Campeonato Gaúcho

Depois de empatar por 1 a 1 o primeiro jogo da final do Campeonato Gaúcho, o Grêmio volta a campo neste sábado, às 16h30, quando recebe, em sua arena, em Porto Alegre, o Caxias para o duelo decisivo. O objetivo do Grêmio, que busca seu 42º título estadual, é manter a hegemonia, uma vez que é o atual pentacampeão.

O Grêmio levantou o caneco nos últimos cinco anos, duas vezes contra o Internacional, e uma vez contra Brasil, Ypiranga e o próprio Caxias, este último em 2020. O Caxias, por outro lado, só participou de quatro finais em sua história e foi campeão uma única vez, em 2000, justamente contra o Grêmio. O Internacional ainda é o maior campeão gaúcho, com 45 títulos, o último deles em 2016.

A atmosfera promete ser de muito apoio ao Grêmio, já que mais de 28 mil ingressos foram vendidos em apenas dois dias, se esgotando ainda na terça-feira. O restante será ocupado pelos sócios e a expectativa é de 50 mil torcedores.

O uruguaio Luís Suárez, grande estrela gremista e da competição, ainda pode chegar à artilharia, mas precisa tirar o atraso em relação a Pedro Henrique, do Internacional, que já fez oito gols. Suárez tem seis gols, vice-líder ao lado de Rodrigo Rodrigues, do Juventude. Do lado caxiense, Eron é o principal goleador, com quatro gols.

No primeiro duelo, no Estádio Centenário, o Caxias saiu na frente, com gol de Marlon, mas o Grêmio buscou o empate com Vina. Quem vencer o segundo confronto, fica com a taça, enquanto um novo resultado igual leva a decisão do título para os pênaltis.

O técnico Renato Gaúcho tem o Grêmio praticamente definido para a decisão, mas pode fazer duas mudanças. O meia uruguaio Carballo, recuperado de virose, treinou normalmente durante a semana e deve voltar ao time titular. Já o zagueiro argentino Kannemann vem se recuperando de um desconforto muscular e, apesar de ser visto correndo no gramado, tem sua volta incerta.

Apesar de ressaltar o equilíbrio da final, Renato Gaúcho vê o mando de campo e apoio da torcida como diferenciais a favor do Grêmio. "Acho que as duas equipes chegaram por méritos. Não existe mais favoritismo, dentro do campo são 11 contra 11 e os dois vão encontrar dificuldades. Tudo pode acontecer, mas temos a nossa torcida e conhecemos o campo. São coisas a nosso favor."

Assim como no primeiro jogo, o técnico Thiago Carvalho não poderá contar no Caxias com Pedro Cuiabá, Wesley Pomba e Ronald, todos emprestados pelo Grêmio. Outro desfalque é o volante Moacir, expulso em Caxias do Sul. A boa notícia é que Vini Guedes e Marciel voltam após suspensão e são opções para substituí-lo.

Apesar da pressão esperada, o Thiago Carvalho depositou confiança na força mental do Caxias para fazer um grande jogo. "É um desafio muito grande e espero que a gente consiga fazer um grande jogo. Eles jogarão em casa e sempre é uma preocupação, pois a atmosfera criada faz diferença. Temos preparado a parte mental desde a pré-temporada e acredito que o Caxias tem respondido bem."

Transmissões ao vivo dos jogos dos principais times do Brasileirão!

Veja resultados, notícias, entrevistas, fotos, vídeos e os bastidores do mundo do esporte

Obrigado por ter ativado as notificações do Esporte ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório