Meteorologia

  • 16 JUNHO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Renato Gaúcho celebra hepta pelo Grêmio, conquista 10º título e iguala recorde histórico

Com seu 10º título, ele iguala a marca história de Oswaldo Rolla, o Foguinho, como técnico mais vencedor da história do Grêmio.

Renato Gaúcho celebra hepta pelo Grêmio, conquista 10º título e iguala recorde histórico
Notícias ao Minuto Brasil

06:45 - 07/04/24 por Estadao Conteudo

Esporte Campeonato Gaúcho

Com o sorriso aberto, semblante de alegria e vestindo camisa comemorativa ao heptacampeonato gaúcho, o técnico Renato Gaúcho reservou os momentos após a premiação para curtir a conquista ao lado dos jogadores e da torcida, na Arena do Grêmio. Com seu 10º título, ele iguala a marca história de Oswaldo Rolla, o Foguinho, como técnico mais vencedor da história do Grêmio.

"Eu já avisei meus jogadores: deem a volta olímpica porque eu já estou cansado disso", brincou. Depois foi puxado pelo capitão Pedro Geromel e se rendeu aos apelos dos jogadores para festejar junto à torcida.

Mais tranquilo após a virada em cima do Juventude, por 3 a 1, o técnico revelou como preparou o lado psicológico do seu time durante a semana. "Falei para eles que poderiam fazer 10 milhões de torcedores felizes ou triste. A resposta está aí!", completou. "É uma emoção muito grande. A gente não encontra palavras numa hora desta. É uma grande alegria é ver o grupo feliz, o presidente feliz e nossa torcida também. É bonito ver o sorriso em cada rosto dos nossos torcedores...".

Depois de uma boa respirada, fez um breve comentário sobre a decisão deste sábado. "Foi um grande jogo. O Juventude também foi bem, mas o Grêmio conseguiu a virada no primeiro tempo e, depois, achamos o terceiro gol e foi só comemorar".

Após o apito final do árbitro, Renato Gaúcho tirou sua camisa social azul, já costumeira durante os jogos, e passou a exibir uma camiseta branca que tinha nas costas o número sete, imortalizado por ele como jogador e que também simbolizava o sétimo título gremista seguido, de 2018 até 2024.

Na frente, do lado direito do peito um logotipo escrito "500 Jogos", número que ele deve completar no comando gremista nesta semana. Um recorde histórico também pelas quatro vezes em que comandou o time tricolor. A marca será batida na próxima terça-feira em duelo contra o Huachipato-CHI, pela Copa Libertadores, também na Arena do Grêmio.

Aos 50 anos, Renato Gaúcho chegou aos 10 títulos no comando do time gaúcho: Copa do Brasil de 2016, Libertadores de 2017, Recopa Sul-Americana de 2018, Recopa Gaúcha de 2019 e de 2023 e Campeonato Gaúcho de 2018, 2019, 2020, 2023 e 2024. Foguinho faturou 10 títulos à frente do Grêmio entre os anos de 1956 e 1960. Ele venceu o Campeonato Citadino de Porto Alegre e o Gauchão cinco vezes cada, num total de 388 jogos.

Renato também é um dos maiores jogadores da história do Grêmio com direito a estátua no clube, onde colecionou títulos importantes como a Libertadores e o Mundial de Clubes de 1983, o Brasileirão de 1981 e o Campeonato Gaúcho em três temporadas (1980, 1985 e 1986).

Transmissões ao vivo dos jogos dos principais times do Brasileirão!

Veja resultados, notícias, entrevistas, fotos, vídeos e os bastidores do mundo do esporte

Obrigado por ter ativado as notificações do Esporte ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório