Meteorologia

  • 22 MAIO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

F1: Verstappen vence GP da China e garante fim de semana perfeito

Lando Norris, da McLaren, ficou com a segunda posição, impedindo a dobradinha da Red Bull. Sergio Pérez, companheiro de Verstappen, completou o pódio.

F1: Verstappen vence GP da China e garante fim de semana perfeito
Notícias ao Minuto Brasil

10:00 - 21/04/24 por Folhapress

Esporte Fórmula 1

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Depois de vencer a corrida sprint e fazer a pole position, Max Verstappen confirmou o favoritismo e venceu o Grande Prêmio da China de Fórmula 1 com sobras.

Lando Norris, da McLaren, ficou com a segunda posição, impedindo a dobradinha da Red Bull. Sergio Pérez, companheiro de Verstappen, completou o pódio.

Lewis Hamilton subiu nove posições e garantiu dois pontos. O heptacampeão largou em 18º e, contando com uma boa estratégia e um tanto de sorte - com a entrada de safety cars, terminou a corrida em nono.

Só falta Singapura. O GP da China era uma das duas provas que Max Verstappen ainda não havia vencido entre os circuitos que fazem parte da atual temporada da Fórmula 1.

A Fórmula 1 volta daqui a duas semanas. A próxima corrida é o GP de Miami, no Autódromo Internacional de Miami, marcada para o dia 5 de maio (domingo), às 17h (de Brasília).

Como foi a corrida
Russell e Alonso fizeram uma ótima largada. O piloto inglês da Mercedes deixou duas Ferrari para trás e assumiu o sexto lugar, enquanto o espanhol da Aston Martin, que largou em terceiro, ficou com a segunda posição após a segunda curva, depois de ultrapassar Sergio Pérez e ameaçar Max Verstappen.

Alonso não conseguiu manter o ritmo por muito tempo. Depois de perder a posição, Pérez logo encostou em Alonso e não precisou forçar muito para fazer a ultrapassagem na quinta volta. Depois de três voltas, Norris também ultrapassou o espanhol.

Valteri Bottas abandonou a prova na volta 21. O piloto da Sauber encostou o carro após ver seu motor quebrar. A direção da prova colocou a corrida sob safety car virtual nas duas voltas seguintes. Na 23ª volta, o safety car entrou na pista de fato, até a volta 27.

Safety car voltou à pista na volta 28 para mais três voltas. Dois incidentes forçaram a organização da prova a colocar a corrida sob bandeira amarela mais uma vez. Lance Stroll, da Aston Martin, acertou a traseira de Ricciardo, da Racing Bulls - que teve que abandonar o GP. E Magnussen, da Haas, tocou em Tsunoda, da Racing Bulls, e o tirou da corrida.

Lando Norris, da McLaren, e Charles Leclerc, da Ferrari, foram os mais beneficiados pela entrada do safety car. Após todas as paradas e os dois reinícios de prova, os pilotos estavam em segundo e terceiro lugares, respectivamente, à frente da Red Bull de Sergio Pérez, um dos mais prejudicados pelos incidentes.

Lewis Hamilton fez boa corrida de recuperação. Depois de largar em décimo oitavo, o heptacampeão mundial entrou na zona de pontuação (10º) lugar na volta seguinte à saída do segundo safety car, e conseguiu terminar em nono.

Pérez e Leclerc fizeram uma boa briga pelo pódio. Depois da saída do safety car, Leclerc segurou a terceira posição por nove voltas. No fim, a pressão de Pérez funcionou e o mexicano tomou o terceiro lugar, abrindo vantagem nas voltas seguintes.

Com mais uma vitória, Max Verstappen, da Red Bull, voltou a abrir vantagem na liderança do Campeonato Mundial, agora com 110 pontos. Sergio Pérez, companheiro de equipe do holandês, mantém o segundo lugar, agora com 85 pontos.

Charles Leclerc, da Ferrari, é o terceiro, com 76 pontos, seguido de perto pelo companheiro Carlos Sainz, que soma 67 pontos. Vice-líder hoje, Lando Norris é o quinto no Mundial, com 58 pontos.Veja a classificação do GP da China
1. Max Verstappen (Red Bull)
2. Lando Norris (McLaren)
3. Sergio Pérez (Red Bull)
4. Charles Leclerc (Ferrari)
5. Carlos Sainz (Ferrari)
6. George Russell (Mercedes)
7. Fernando Alonso (Aston Martin) - volta mais rápida
8. Oscar Piastri (McLaren)
9. Lewis Hamilton (Mercedes)
10. Nico Hulkenberg (Haas)
11. Esteban Ocon (Alpine)
12. Alexander Albon (Williams)
13. Pierre Gasly (Alpine)
14. Guanyu Zhou (Sauber)
15. Kevin Magnussen (Haas)
16. Logan Sargeant (Williams)
17. Lance Stroll (Aston Martin)
18. Daniel Ricciardo (Racing Bulls) - não completou
19. Yuki Tsunoda (Racing Bulls) - não completou
20. Valteri Bottas (Sauber) - não completou

Leia Também: Atlético-MG faz 3 gols no primeiro tempo e vence o Cruzeiro pela 1ª vez na Arena MRV

Transmissões ao vivo dos jogos dos principais times do Brasileirão!

Veja resultados, notícias, entrevistas, fotos, vídeos e os bastidores do mundo do esporte

Obrigado por ter ativado as notificações do Esporte ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório