Meteorologia

  • 20 JANEIRO 2019
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Sampaoli se apresenta ao Santos e quer substituto para Gabriel

Argentino elogiou os jogadores sobre os quais foi perguntado, como PH Ganso

Sampaoli se apresenta ao Santos e quer substituto para Gabriel
Notícias ao Minuto Brasil

17:12 - 18/12/18 por Folhapress

Esporte treinador

Desempregado desde a fracassada campanha da seleção argentina na Copa do Mundo, Jorge Sampaoli, 58, foi apresentado como novo técnico do Santos nesta terça (18), em São Paulo.

Cuidadoso com as palavras na chegada, ele elogiou todos os jogadores sobre os quais foi questionado. Afirmou que eles serão importantes. Também elogiou Paulo Henrique Ganso, nome cotado como reforço para o Santos e disse se tratar de um talento. Mas foi Sampaoli quem sacou o brasileiro do time do Sevilla quando era o técnico e não o relacionou para o banco de reservas em várias partidas.

+ Jornalista esportivo deixa o Grupo Globo após 13 anos

+ Bi de Medina coroa temporada histórica para o surfe brasileiro

"Fomos parceiros no Sevilla. Tem uma qualidade incrível, mas não se consolidou na Europa. Temos que analisar com o presidente as prioridades", explicou o técnico.

Sampaoli deixou claro esperar pela permanência de Dodô, Victor Ferraz e Bruno Henrique, atletas que estão com o futuro indefinido no clube. Também afirmou que será importante para Rodrygo ter um bom primeiro semestre no Brasil. Em julho, ele terá de se apresentar ao Real Madrid (ESP). Até Yuri Alberto, revelação santista que mostrou muito pouco ao receber oportunidades na equipe principal, obteve palavras de incentivo.

"Temos de repor, com certeza, a saída do Gabigol. Ele fez vários gols na temporada passada", disse, sobre a saída de Gabriel, artilheiro do último Campeonato Brasileiro, com 18 gols. Ele vai se reapresentar à Internazionale (ITA), dona do seu vínculo contratual, e pode ser vendido para o Flamengo.

Um dos reforços cogitados no Santos para comandar o ataque é o de Emmanuel Gigliotti, 31, que está no Independiente (ARG) e é o artilheiro do Campeonato Argentino, com 12 gols. Ele já havia sido pedido por Cuca nesta temporada.

"Espero estar à altura desta história [do Santos]. Depois de analisar outros projetos, apareceu o Santos. Que cada jogador que chegue ao Santos tenha claro quanto ao lugar em que está. Só quero pensar no Santos. Nem no Sevilla, Chile ou Argentina, só no Santos. É um clube que teve Pelé e Neymar e nos obriga a jogar de maneira ofensiva", disse Sampaoli, desconversando sobre a passagem pela seleção argentina, que terminou após a queda na Copa da Rússia.

Após a apresentação, ele foi para Santos com o presidente José Carlos Peres para conhecer a estrutura do Centro de Treinamento.

Sampaoli se destacou em 2011 ao ser campeão da Copa Sul-Americana com a Universidad de Chile. Assumiu a seleção chilena e a comandou na conquista da Copa América de 2015. No ano anterior, levou o Brasil ao limite nas oitavas de final da Copa do Mundo e foi eliminado apenas nos pênaltis. Estes trabalhos o credenciaram para ser contratado pelo Sevilla em 2016.

Com a Argentina correndo o risco de não se classificar para o Mundial da Rússia, foi chamado para a seleção, apesar da forte oposição de outros técnicos do país e de parte da imprensa. Obteve a vaga, mas a campanha na Rússia foi vexatória. Não apenas pelos resultados (caiu diante da França nas oitavas), mas pelas sucessivas confusões, boatos e desentendimentos entre jogadores, comissão técnica e dirigentes. Com informações da Folhapress.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Transmissões ao vivo dos jogos dos principais times do Brasileirão!

Veja resultados, notícias, entrevistas, fotos, vídeos e os bastidores do mundo do esporte

Obrigado por ter ativado as notificações do Esporte ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório