Meteorologia

  • 24 OUTUBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Gene BRCA aumenta risco de câncer, mas não influencia sobrevivência

Estes resultados são relevantes para entender melhor o tratamento do câncer da mama

Gene BRCA aumenta risco de câncer, mas não influencia sobrevivência
Notícias ao Minuto Brasil

16:40 - 12/01/18 por Lusa

Lifestyle Estudo

As probabilidades de sobrevivência ao câncer da mama não variam entre mulheres jovens com a mutação genética BRCA, que suscita um elevado risco de desenvolvimento dessa condição, e as que não a têm, indica um estudo.

"O nosso estudo é o maior que se desenvolveu neste campo e os nossos resultados indicam que, quando iniciam o tratamento, as mulheres jovens com a mutação BRCA que sofrem de câncer da mama têm uma probabilidade de sobrevivência idêntica àquelas que não são portadoras do gene", comentou a professora Diana Eccles, da Universidade de Southampton (Reino Unido), autora da investigação, publicada pela revista britânica "The Lancet".

Estes resultados são relevantes para entender melhor o tratamento do câncer da mama, particularmente no âmbito da cirurgia preventiva.

+ Da viagem com os avós à consciente: assim será o turismo este ano

"Às pacientes com o gene BRCA geralmente oferece-se uma mastectomia dupla após o diagnóstico ou tratamento com quimioterapia. Contudo, os nossos resultados sugerem que não há razão para se escolher efetuar esta cirurgia imediatamente", explicou Diana Eccles.

Segundo a investigadora, a longo prazo seria possível discutir opções preventivas, mas levando em consideração as preferências pessoais das pacientes.

O estudo, realizado entre janeiro de 2000 e janeiro de 2008, incluiu 2.733 mulheres de entre 18 e 40 anos, das quais 338 (12%) apresentavam uma qualquer variação do gene BRCA, todas elas em tratamento após o primeiro diagnóstico de câncer da mama.

Peter Fasching, médico especialista no tratamento desta doença, indicou que "saber que as mutações BRCA1 e BRCA2 não mudam o prognóstico da paciente poderá alterar o tipo de terapia utilizada para minimizar riscos". As mulheres que apresentam uma mutação BRCA têm até 80% de probabilidades de desenvolver câncer da mama ou de ovários. 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório