Meteorologia

  • 22 SETEMBRO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Ataque em escola primária na China deixa mortos e feridos

Suspeito usou uma faca para cometer o atentado

Ataque em escola primária na China deixa mortos e feridos

Um homem matou hoje duas pessoas e feriu pelo menos duas crianças com uma faca numa escola primária no centro da China, divulgaram as autoridades locais. As duas crianças feridas foram hospitalizadas e não correm risco de morte, de acordo com comunicado do condado de Ningyuan, que se localiza na província de Hunan.

As autoridades não divulgaram a identidade e a idade das duas pessoas que morreram. Segundo a mesma fonte, a polícia prendeu um homem de 31 anos de nome Zheng, da aldeia de Baijiazhen, onde também fica a escola.

As razões para o ataque ainda não foram divulgadas pelas autoridades.

+ Assembleia Constituinte retira imunidade parlamentar de Guaidó

Os ataques com faca em escolas aumentaram nos últimos anos na China, forçando as autoridades a reforçar as medidas de segurança.

Em outubro de 2018, uma mulher atacou algumas crianças num jardim de infância, na província de Sichuan, sudoeste da China, ferindo 14 delas.

Em abril, um homem matou nove estudantes quando estes estavam saindo da escola e feriu ainda outros 12 na província de Shaanxi (norte). O suspeito, que explicou ter agido por vingança após sofrer bullying naquela escola na infância, foi executado em setembro.

Em janeiro, 20 estudantes de uma escola primária em Pequim foram feridos por um funcionário, a golpes de martelo, aparentemente furioso com o fim do seu contrato de trabalho, de acordo com as autoridades.

Campo obrigatório