Meteorologia

  • 24 JULHO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

São Paulo terá festival com mais de 60 documentários musicais

O In-Edit traz, de 12 a 23 de junho, mais de 60 documentários musicais

São Paulo terá festival com mais de 60 documentários musicais
Notícias ao Minuto Brasil

08:36 - 11/06/24 por Agência Brasil

Cultura Cinema

Um festival de cinema para quem é fã de música. É assim que o In-Edit traz, de 12 a 23 de junho, mais de 60 documentários musicais para as salas de cinema da cidade de São Paulo. Com entrada gratuita, a programação deste ano tem competições nacionais, internacionais e uma mostra especial sobre música eletrônica.

Entre os filmes, Black Rio! Black Power!, do diretor carioca Emílio Domingues, traz imagens inéditas dos bailes blacks surgidos no Rio de Janeiro nos anos 1970. O músico Arrigo Barnabé, um dos expoentes da Vanguarda Paulistana, também vira personagem no filme experimental O Homem Crocodilo, dirigido por Rodrigo Grota.

O diretor artístico do festival, Marcelo Aliche, explica que os filmes para as mostras competitivas trazem histórias de discos e artistas que muita gente não conhece.

A diretora Alessandra Dorgan vai estrear o seu primeiro longa-metragem no festival, com um documentário sobre o músico carioca Luiz Melodia. Durante seis anos, ela e a pesquisadora musical Patrícia Palumbo se debruçaram sobre horas e mais horas de imagens de arquivo, fotografias e vídeos do compositor nascido no morro do Estácio, bairro do Rio de Janeiro, em 1951, e que nos deixou em 2017.

O festival traz histórias curiosas, desconhecidas e com muito afeto envolvido entre quem faz os filmes e seus personagens. Assim como Alessandra trouxe a vida de Luiz Melodia para a telona, o documentarista Yves Goulart levou mais de dez anos pesquisando a vida do cantor lírico Aldo Baldin.

Nascidos na mesma cidade, em Urussanga, Santa Catarina, Yves e Aldo nunca se conheceram. Agora, com o filme Aldo Baldin, uma vida pela música, o diretor que vive em Nova York pode compartilhar a história do seu conterrâneo. Com seu talento, Baldin percorreu, com sua voz de tenor, os principais templos de ópera do mundo e morreu precocemente em 1994.

A programação traz também um panorama internacional com uma seleção de 20 títulos inéditos sobre importantes nomes da música mundial. Cinéfilos e amantes de música vão poder ver filmes sobre os Rollings Stones, Cyndi Lauper, Joan Baez e Paul Simon.

Para quem não mora em São Paulo, parte da programação vai estar disponível nas plataformas digitais Sesc Digital, Itáu Cultural Play e SPCine Play. Na programação paralela do 16º In-Edit também haverá shows de Bnegão, Arrigo Barnabé e Orkestra Bandida.

Quem quiser conferir a programação completa é só acessar o site br.in-edit.org/

Campo obrigatório