Meteorologia

  • 18 JULHO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Líder da Igreja Bola de Neve é afastado após mulher obter medida protetiva na justiça

Rinaldo Luiz de Seixas Pereira deverá manter distância mínima de 300 metros da mulher, seus familiares e testemunhas do processo

Líder da Igreja Bola de Neve é afastado após mulher obter medida protetiva na justiça
Notícias ao Minuto Brasil

08:36 - 14/06/24 por Estadao Conteudo

Justiça Violência

A pastora e cantora gospel Denise Seixas, mulher do pastor Rinaldo Luiz de Seixas Pereira, o apóstolo Rina, líder da igreja evangélica Bola de Neve, obteve na justiça medida protetiva contra o marido após denunciá-lo por violência psicológica, injúria e difamação. De acordo com a decisão, o apóstolo deverá manter distância mínima de 300 metros da mulher, seus familiares e testemunhas do processo.

O Conselho Deliberativo da congregação afastou Pereira das funções de liderança na igreja. O apóstolo nega as acusações e diz confiar na apuração "técnica e isenta" dos fatos.

A decisão judicial também proíbe Pereira de ter contato com a vítima, ainda que por intermédio de terceiros. Conforme a advogada de Denise, Gabriela Manssur, a pastora vinha sofrendo um processo de violência psicológica que lhe causava sofrimento. Ainda segundo a defensora, devido à grande repercussão do caso, a pastora está em local protegido e não falaria com a reportagem.

"A 9ª Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) instaurou um inquérito policial para apurar o caso e medidas protetivas de urgência foram concedidas à vítima. A mulher foi ouvida. A ocorrência foi registrada como ameaça, difamação, injúria, lesão corporal, violência doméstica, falsidade ideológica e violência psicológica contra a mulher na última segunda-feira, 10", diz a nota da Polícia Civil.

Antes do afastamento divulgado pelo conselho da igreja, a apóstolo Rina já havia anunciado que deixaria temporariamente suas funções, alegando que cuidaria da mulher que, segundo ele, estava tendo crises de ansiedade. O comunicado foi feito durante o culto do último dia 2, transmitido em redes sociais.

No último domingo, 9, o perfil da Igreja Bola de Neve no Instagram postou uma mensagem sobre o afastamento do fundador dirigida aos seus seguidores. "É com pesar e tristeza que nos dirigimos a vocês para tratar de assunto que se desdobra nas últimas semanas envolvendo o Ministério Bola de Neve. O Conselho Deliberativo, junto ao Apóstolo Rina, decidiu pelo afastamento do seu fundador para que se dedique integralmente a esclarecer os apontamentos apresentados e restabelecer sua saúde e de sua família. A partir de agora, o Conselho Deliberativo assume a responsabilidade por todo o Ministério", diz o texto.

Após pedir perdão "pelas falhas e falta de atenção aos fatos apresentados", o conselho informa ter tomado medidas para que "a Igreja mantenha a integridade e a santidade da estrutura eclesiástica". Entre elas, a criação de um canal de ouvidoria para catalisar possíveis falhas e má conduta, a elaboração de um conselho de ética para apuração e deliberação a respeito de todas as irregularidades apresentadas, diligência e apuração de cada caso, inclusive de foro íntimo, averiguando necessidade de afastamento ou desligamento de lideranças.

O conselho cita também uma investigação interna, bem como a reformulação do regimento interno da igreja para "alinhar com mais clareza expectativas da congregação e evitar que eventos semelhantes aconteçam novamente".

A reportagem pediu mais informações à igreja sobre o caso, inclusive a investigação interna, e ainda aguarda retorno.

A assessoria do apóstolo Rina disse que ele nega "qualquer prática de violência e confia na apuração isenta e técnica de todos os fatos pela Polícia Civil e Ministério Público".

Procurado pela reportagem, o Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) informou que processos dessa natureza correm em segredo de Justiça, por isso não é possível fornecer informações sobre o caso.

Forte expansão

A Bola de Neve Church (Igreja Bola de Neve) foi fundada em São Paulo, em 1999, pelo apóstolo Rina e se beneficiou da forte expansão das igrejas evangélicas no país nos últimos 20 anos. Seguindo a linha das igrejas neopentecostais, a Bola de Neve buscou se aproximar do público jovem, com sua imagem e de seu fundador - que já foi surfista - associadas à prática de esportes.

Atualmente, segundo informa seu site oficial, a Bola de Neve tem 320 templos em todas as regiões do Brasil e em todos os continentes, inclusive na África, Ásia e Oceania. A igreja tem forte presença também nos Estados Unidos. Na América do Sul, a igreja está presente em todos os países.

Campo obrigatório