Meteorologia

  • 21 JULHO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Suspeitos de roubar condomínios de luxo são presos em São Paulo

A investigação mostrou que o líder da quadrilha utilizava bancos de dados para selecionar vítimas de alto poder aquisitivo, a partir de informações sobre salário, automóveis e outros bens

Suspeitos de roubar condomínios de luxo são presos em São Paulo
Notícias ao Minuto Brasil

10:31 - 04/07/24 por Estadao Conteudo

Justiça Prisão

A Polícia Civil de São Paulo prendeu quatro suspeitos de participarem de furtos em condomínios de alto padrão em várias regiões do Brasil nesta quarta-feira, 3. De acordo com a investigação, o grupo cometeu crimes em capitais no Nordeste e Centro-Oeste, além de diferentes cidades do interior paulista.

Os suspeitos foram localizados em imóveis no centro e na zona leste da capital. Nos endereços, policiais apreenderam equipamentos eletrônicos, dinheiro em espécie, joias, relógios e bolsas de grife.

A operação foi conduzida pelo Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) e por divisão especializada da polícia de Araçatuba.

A investigação mostrou que o líder da quadrilha utilizava bancos de dados para selecionar vítimas de alto poder aquisitivo, a partir de informações sobre salário, automóveis e outros bens.

O grupo, então, passava a monitorar a pessoa com um equipamento de telemarketing. O dispositivo realizava ligações automáticas no telefone fixo do morador, e os ladrões só agiam quando não havia ninguém em casa.

De acordo com a polícia, os criminosos usavam carros dublê para entrar nos condomínios e tinham ferramentas para arrombar os imóveis. Quando invadiam, buscavam joias caras, ouro, dinheiro, relógios de marca e armamentos.

Os quatro suspeitos responderão pelos crimes de roubo, furto e associação criminosa, sendo que um deles já era procurado antes. Outros cinco envolvidos tiveram prisão temporária decretada pela Justiça, mas ainda não foram localizados.

Leia Também: Não há infração em vídeo de filho de Gusttavo Lima dirigindo, diz polícia

Campo obrigatório