Meteorologia

  • 11 DEZEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Autora fala sobre adaptação de 'Com amor, Simon': 'Vi 11 vezes'

Becky Albertalli opinou ainda sobre sede por enredos que fossem mais inclusivos

Autora  fala sobre adaptação de 'Com amor, Simon': 'Vi 11 vezes'
Notícias ao Minuto Brasil

07:46 - 16/04/18 por Notícias Ao Minuto

Cultura cinema

Onze. É quantidade de vezes que Becky Albertalli admitiu ter assistido ao filme "Com amor, Simon", nos cinemas. Autora do livro "Simon vs. a agenda Homo sapiens" , no qual o roteiro do longa de Greg Berlanti foi inspirado, admite ser fã da adaptação. "A cada vez percebo novos detalhes", contou.

A escritora de 35 anos defende que o filme é extremamente fiel ao livro. "Se percebe o quanto houve paixão e dedicação por parte do diretor Greg Berlanti no projeto, além de todos os outros profissionais envolvidos", contou ao Correio Braziliense.

+ 'Game of Thrones' receberá prêmio especial no BAFTA

Becky Albertalli também falou sobre a atuação de Nick Robinson. "Ele me atingiu muito, com a interpretação para Simon. Ele se enquadrou perfeitamente, e há tanta profundidade e nuance no desempenho dele. Acredito que, no momento, ele é um dos mais promissores talentos em atividade".

Além de Nick Robinson, os créditos do filme incluem Jennifer Garner (Emily Spier), Josh Duhamel (Jack Spier) e Katherine Langford (Leah). Na trama, Simon aparentemente leva uma vida comum, mas, aos 17 anos, sofre por esconder um grande segredo: nunca revelou ser gay para sua família e amigos. E tudo fica mais complicado quando ele se apaixona por um dos colegas de escola, anônimo, com quem troca confidências diariamente via internet.

"Acho que existia uma sede por enredos que fossem mais inclusivos, por um longo tempo, e percebo, num crescente, que editores e escritores correm nessa direção. Infelizmente, personagens LGBTQIAP ainda seguem sub-representados em termos de ficção, com alguns grupos específicos — inseridos nessa vasta comunidade — podendo ter muito trabalho em se perceberem representados nas artes", opina a escritora.

"Com amor, Simon" está em cartaz nas salas de cinema do país desde o último dia 5. Desde então, o livro "Simon vs. a agenda Homo sapiens" segue o título do filme nas livrarias. A publicação brasileira é da editora Intrínseca (272 páginas. Preço, R$ 34,90).

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório