Meteorologia

  • 19 JULHO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Diretoria do Corinthians respira após vitória e tenta recalcular rota

O presidente Augusto Melo gosta de António e entende que o português pode alcançar os objetivos da temporada

Diretoria do Corinthians respira após vitória e tenta recalcular rota
Notícias ao Minuto Brasil

18:00 - 30/04/24 por Folhapress

Esporte Bastidores

SANTOS, SP (UOL/FOLHAPRESS) - A diretoria do Corinthians respirou aliviada após a vitória sobre o Fluminense no último domingo (28) e agora tenta recalcular a rota para espantar a crise. Antes do triunfo, a direção alvinegra admitia demitir o técnico António Oliveira se o time não mostrasse desempenho diferente.

Apesar da possibilidade de mudança ter passado pelo radar, o presidente Augusto Melo gosta de António e entende que o português pode alcançar os objetivos da temporada. O mandatário procura defender o trabalho do treinador no dia a dia do Parque São Jorge.

A ideia agora é oferecer melhores condições a António Oliveira dentro e fora de campo. Além disso, a avaliação da diretoria corintiana é de que a vitória diante do Fluminense pode ser um ponto de partida para um período de maior calmaria.

Na semana passada, Augusto Melo prometeu mudar tudo, mas não agiu. O presidente ficou inseguro depois de reuniões com conselheiros e membros de torcidas organizadas. O mandatário entendeu que era momento de priorizar o campo e agora quer resolver os problemas para não perder o comando.

A principal pauta é o diretor Rubão. Ele e Augusto estão rachados há meses, e o presidente precisa decidir se destitui ou não o conselheiro do cargo político. Augusto quer aproveitar essa oportunidade para dar recados e deixar claro quem manda: ele, no campo administrativo; e o executivo Fabinho Soldado, no futebol.

Já sobre a expectativa de torcedores por reforços, Augusto diz publicamente que o elenco é bom, mas admite nos bastidores que faltam opções para o Corinthians retomar o protagonismo prometido ainda em campanha para a presidência.

A diretoria já está atenta a opções para a janela de transferências que reabre em julho. O objetivo é se antecipar. O Corinthians reconhece que conduziu mal as negociações e acabou gastando muito sob pressão, como nos casos de Matheuzinho e Pedro Raul.

O planejamento com Fabinho Soldado é encaminhar contratações com antecedência e sem entrar em leilões que aumentam o preço.

Um dos nomes avaliados é de Erik Lamela, meia-atacante do Sevilla. O argentino se encaixaria no perfil desejado de poder decidir tecnicamente, mas também causar impacto na imprensa e redes sociais.

O Corinthians entende que precisa de ao menos um meio-campista e dois atacantes. A lateral esquerda será analisada se o equatoriano Diego Palacios não corresponder após se recuperar de cirurgia no joelho.

Antes de qualquer novo nome, contudo, o Corinthians tentará manter a calmaria em visita ao América-RN às 20h desta quarta-feira (1º), em jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil. A vaga nas oitavas do torneio ainda vai depender de um reencontro no dia 21 de maio, em Itaquera.

Transmissões ao vivo dos jogos dos principais times do Brasileirão!

Veja resultados, notícias, entrevistas, fotos, vídeos e os bastidores do mundo do esporte

Obrigado por ter ativado as notificações do Esporte ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório