Meteorologia

  • 28 JUNHO 2022
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Rio de Janeiro tem três execuções da milícia em dez dias

Em um dos confrontos foram disparados mais de cem tiros

Rio de Janeiro tem três execuções da milícia em dez dias
Notícias ao Minuto Brasil

07:51 - 02/03/22 por Rafael Damas

Justiça Violência

A Polícia Civil do Rio de Janeiro investiga três execuções com participação de milicianos que tiraram a vida de cinco pessoas, em apenas dez dias, em Santa Cruz, na Zona Oeste da cidade.

De acordo com informações do jornal 'Extra', em um dos ataques, duas vítimas foram emboscadas e tiveram o carro em que estavam atingido por mais de cem disparos.

Marcos Torres Gaspar foi assassinado por três paramilitares armados com fuzis, dentro de um bar, ao ser confundido por homens da milícia de Danilo Dias Lima, o Danilo Tandera, com um integrante do bando rival. Depois, paramilitares da milícia chefiada por Luís Antônio da Silva Braga, o Zinho, teriam interceptado a tiros de fuzil um veículo ocupado supostamente por dois homens do bando de Tandera.

Ainda de acordo com a publicação, em menos de 15 dias, esta é a terceira execução envolvendo milicianos na Região. Para a polícia, um dos ataques foi realizado por comparsas de Danilo Dias Lima, o Tandera, que disputa o controle da quadrilha com Luís Antônio da Silva Braga. Bibi, o alvo da emboscada, saiu da cadeia no ano passado, após quatro anos preso, e se aliou a Zinho.

Zinho e Tandera estão com as prisões decretadas pelo Tribunal de Justiça do Rio e são considerados foragidos. O Disque-Denúncia (2253-1177) oferece recompensa de R$ 5 mil por informações que levem até a prisão do miliciano Danilo Tandera. Segundo a polícia, ele controla a milícia em pontos de Nova Iguaçu, Itaguaí, Seropédica e em parte de Santa Cruz.

O Disque-Denúncia também oferece recompensa de mil reais por informações que levem até a prisão Luís Antônio da Silva Braga, o Zinho.

De acordo com a polícia, citada pelo 'Extra', a milícia chefiada por Zinho atua na maior parte da Zona Oeste do Rio, incluindo principalmente os bairros de Campo Grande, Paciência e Santa Cruz.

Campo obrigatório