Meteorologia

  • 06 DEZEMBRO 2021
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Chacina: jovens são mortos a tiros enquanto jogavam videogame

Maior parte o grupo havia deixado o local para comprar lanches, pouco tempo antes dos suspeitos passarem atirando contra os que ficaram

Chacina: jovens são mortos a tiros enquanto jogavam videogame
Notícias ao Minuto Brasil

13:52 - 05/01/18 por Notícias Ao Minuto

Justiça Rio de Janeiro

Um ataque a tiros ocorrido na noite da quinta-feira (4) em Belford roxo, na Baixada Fluminense, deixou quatro vítimas no Rio de Janeiro. O crime aconteceu por volta das 22h, quando um grupo de jovens estava reunido para jogar videogame em uma calçada na esquina das Ilíada e Benedito Diogo, no Vale do Ipê 2, e foi atingido por disparos de suspeitos que passaram de carro pelo local.

Momento antes do bando passar de carro na esquina do crime um grupo de mais de 20 jovens estava na calçada, jogando. A maior parte o grupo havia deixado o local para comprar lanches, pouco tempo antes dos suspeitos passarem atirando contra os que ficaram.

+ Jovem assassinada por irmão carregava pai cadeirante

Dois adolescentes e dois jovens morreram, enquanto uma quinta vítima segue internada. Segundo o jornal Extra, os dois menores de idade foram identificadas como Ezequiel da Silva Cavalcante, de 14 anos, e Diogo Caeira de Vasconcelos, de 13, que morreram ainda no local.

Iago Gomes de Paula, de 25 anos, teria sido acertado em outro ponto do mesmo bairro, na esquina da Avenida Ayrton Senna com Rua Projetada D, no Parque São Lucas, em Roseiral. Parentes teriam relatado à polícia que ele foi morto pelo mesmo bando. André Felipe Ferreira de Almeida, de 21 anos, morreu na manhã desta sexta-feira (5), Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, em Duque de Caxias, também na Baixada. Já a quinta vítima, identificada como Matheus Macedo, permanece internada.

A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) investiga o caso, registrado inicialmente pela 54ª DP (Belford Roxo). Os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico legal (IML) de Duque de Caxias, conforme relata o Extra.

Campo obrigatório