Meteorologia

  • 20 OUTUBRO 2020
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Paris: ataque junto a antiga sede do Charlie Hebdo deixa quatro feridos

Há informação de, pelo menos, quatro feridos, dois dos quais em estado grave

Paris: ataque junto a antiga sede do Charlie Hebdo deixa quatro feridos
Notícias ao Minuto Brasil

10:46 - 25/09/20 por Notícias Ao Minuto Brasil

Mundo França

Um homem armado com um facão atacou várias pessoas, esta manhã, em Paris, na rua onde se situava a antiga redação do jornal Charlie Hebdo, alvo de um ataque terrorista em janeiro de 2015. A polícia já teria detido o suspeito.

O homem que promoveu o ataque teria se colocado em fuga, depois de conseguir entrar no metrô da região em Paris. O suspeito vestia um casaco preto sem mangas e sapatos vermelhos, escreve o Le Parisien, e foi detido junto à Praça da Bastilha, perto do local do ataque. 

A polícia revelou entretanto que já foi detido um segundo suspeito numa estação do metrô da capital francesa. 

Segundo a BFMTV, há a indicação de que há, pelo menos, quatro pessoas feridas, entre elas duas em estado de "emergência absoluta". Estas duas vítimas em estado grave são funcionários da agência noticiosa Premières Lignes.

Um responsável da polícia disse que foi montado um cordão de segurança na área, incluindo o edifício da antiga redação, depois de ter sido encontrado um embrulho suspeito. Escolas, creches e residências de idosos na zona também foram encerrados.

O primeiro-ministro francês, Jean Castex, suspendeu um discurso que se preparava para fazer e dirigiu-se ao centro de crise do Ministério do Interior.

A antiga redação do jornal foi alvo, a 7 de janeiro de 2015, de um ataque 'jihadista' que fez 12 mortos e cinco feridos graves.

O julgamento dos presumíveis cúmplices desse e de outros ataques 'jihadistas' em Paris está decorrendo, desde o início de setembro, na capital francesa.

O Charlie Hebdo mudou as suas instalações depois do ataque de 2015.

Campo obrigatório