Empresa responsável por edifício omite contrato de Geddel

O documento do apartamento 2301 não foi incluído no material da defesa junto ao Iphan

© Reprodução
Política residencial La Vue 08:51 - 29/11/16 POR Notícias Ao Minuto

A empresa responsável pelo residencial La Vue, em Salvador, onde o ex-ministro Geddel Vieira Lima havia adquirido um apartamento, não incluiu o contrato de promessa de compra em venda do apartamento 2301.

PUB

De acordo com a reportagem da Folha de S. Paulo, o documento não foi incluído no material da defesa junto ao Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), apresentado em 24 de maio de 2016. A empresa, contudo, anexou os contratos de promessa de compra e venda de dez apartamentos no edifício.

No período em que o recurso foi apresentado, Geddel já havia assinado uma promessa de compra e venda para garantir a unidade. Os contratos anexados na defesa junto ao Iphan, todos "instrumentos de promessa de compra e venda de fração ideal do edifício", cada qual com seu respectivo apartamento, foram assinados entre dezembro de 2014 e outubro de 2015.

Leia também: Temer lamenta acidente e diz que acionou aeronáutica e Itamaraty

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

X