Meteorologia

  • 15 DEZEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Sete curiosidades para entrar no clima da 'data Fifa'

De homenagens a quebras de tabus, amistosos marcaram a história

Sete curiosidades para entrar no clima da 'data Fifa'
Notícias ao Minuto Brasil

20:02 - 22/03/18 por ANSA

Esporte AMISTOSOS

Apesar dos amistosos entre seleções servirem de preparação e não valerem pontos, algumas partidas já foram protagonistas de homenagens, feitos inéditos e curiosidades.

Desde o "Jogo do Século" até uma vitória que tirou a Andorra de um jejum de 13 anos, amistosos marcaram a história de diversas nações.

Os próximos jogos do Brasil serão os últimos antes da convocação para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

A equipe comandada por Tite disputará duas partidas, uma diante dos anfitriões do Mundial e outra contra sua algoz de 2014, a Alemanha, nos dias 23 e 27 de março, respectivamente.

Às vésperas da "data Fifa", selecionamos sete curiosidades e momentos históricos que aconteceram em amistosos entre seleções.

1 - Primeiro amistoso da seleção brasileira

A primeira partida da história da seleção brasileira foi um amistoso. Cerca de 3 mil pessoas acompanharam, no Estádio das Laranjeiras, no Rio de Janeiro, o duelo entre Brasil e Exeter City, da Inglaterra, no dia 21 de julho de 1914. Na ocasião, a seleção brasileira foi derrotada por 2 a 0.

Um fato curioso da partida é que o jogo do Exeter foi tão bruto que o grande jogador brasileiro na época, Arthur Friedenreich, teve dois dentes quebrados no decorrer dos 90 minutos.

2 - "Jogo da Paz"

Para grande parte dos brasileiros, pode ter sido mais um simples jogo, mas, para os haitianos, o "Jogo da Paz", disputado em agosto de 2004, significou esperança para um país devastado por uma guerra civil.

Na época, mais de 80% da população do Haiti vivia na extrema pobreza, e a partida contra o Brasil, então campeão mundial, levou força e um pouco de alegria ao país caribenho.

Com um show de Ronaldinho Gaúcho, o Brasil venceu por 6 a 0, e a passagem dos campeões ficou gravada para sempre na memória dos haitianos.

3 - O "Jogo do Século"

Considerado pela Fifa como um dos maiores duelos de futebol de todos os tempos, o chamado "Jogo do Século" foi disputado em um amistoso.

Na cidade de Londres, em novembro de 1953, a Hungria, então campeã olímpica, encarou a Inglaterra, que na época era considerada a grande potência do futebol e não perdia em Wembley para uma seleção não britânica desde 1901.

Liderados por Ferenc Puskás, os húngaros golearam por 6 a 3 e acabaram com a supremacia inglesa.

Segundo historiadores, a derrota mudou profundamente o futebol na Inglaterra.

4 - O amistoso que foi para as telonas

Frustrado por não ter visto a Holanda se classificar para a Copa do Mundo de 2002, o diretor Johan Kramer produziu um documentário do amistoso entre Butão e Montserrat, que, segundo o ranking da Fifa, eram as piores seleções do planeta na época.

O jogo foi disputado no dia 30 de junho de 2002, data da final do Mundial da Coreia do Sul e do Japão. A seleção butanesa venceu por 4 a 0. O documentário foi lançado no ano seguinte e recebeu diversos prêmios.

5 - Andorra quebra jejum de 13 anos sem vitória

Em outro duelo das duas piores seleções do mundo na época, segundo o ranking da Fifa, Andorra venceu San Marino por 2 a 0 em fevereiro de 2017 e encerrou um jejum de 13 anos.

A vitória foi celebrada como um título pelos jogadores do pequeno principado.

6 - O jogo do centésimo aniversário da Fifa

No dia 20 de maio de 2004, um dia antes de a Fifa completar 100 anos, a partida entre França e Brasil celebrou o centésimo aniversário da entidade que rege o futebol mundial.

Com mais de 79 mil pessoas no Stade de France, em Paris, o amistoso terminou sem gols, mas o jogo foi um dos que tiveram a maior cobertura televisiva da história, com 130 emissoras retransmitindo a partida.

7 - Homenagens para a Chapecoense

No chamado "Jogo da Amizade", Brasil e Colômbia se enfrentaram no dia 25 de janeiro de 2017 para homenagear as vítimas do acidente aéreo com o avião da delegação da Chapecoense, que caiu perto de Medellín e matou quase todo o elenco do clube catarinense.

Com um gol do atacante Dudu, o Brasil ganhou por 1 a 0, mas a grande lembrança da partida foram as homenagens dos brasileiros e colombianos para as 71 vítimas da tragédia. (ANSA)

da partida foram as homenagens dos brasileiros e colombianos para as 71 vítimas da tragédia. (ANSA)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Transmissões ao vivo dos jogos dos principais times do Brasileirão!

Veja resultados, notícias, entrevistas, fotos, vídeos e os bastidores do mundo do esporte

Obrigado por ter ativado as notificações do Esporte ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório