Morte de Versace, ícone da moda italiana, completa 20 anos

Estilista foi assassinado em Miami em 1997

© Reuters
Lifestyle BASTIDORES DA MODA 06:49 - 17/07/17 POR ANSA

A morte do italiano Gianni Versace, considerado um dos estilistas mais emblemáticos de sua era, completou 20 anos neste sábado (15). Nascido no dia 2 de dezembro de 1946, o responsável pela marca Versace foi assassinado em 1997. Ele voltave de sua habitual caminhada pelas ruas de Ocean Drive, em Miami, quando foi baleado à frente da sua mansão, que mais tarde se transformou em um hotel de luxo.

PUB

O responsável pela morte foi "serial killer" Andrew Cunanan, que cometeu suicídio semanas depois de cometer o crime. Seu corpo foi encontrado em um iate e a polícia informou que a arma usada foi a mesma utilizada para matar Versace.

+ Puffer Jackets viram tendência para aquecer no inverno

Sua morte causou grande comoção no mundo da moda. E a partir de 1997, sua irmã Donatella Versace se tornou diretora artística da marca. Depois de vários anos de crise e problemas, a grife de Alta-Costura recuperou sua grandeza original graças à criatividade da italiana. No ano passado, o cineasta dinamarquês Bille August anunciou que dirigirá um filme sobre a vida do fundador da grife italiana. O ator espanhol Antonio Banderas será o protagonista da trama.

Segundo August, as gravações acontecerão em Milão, Reggio Calabria e Miami, "os lugares da vida de Gianni". Fundada por Gianni Versace em 1978, a grife continua sendo uma das marcas de moda líderes do mercado internacional e um símbolo do luxo italiano. (ANSA)

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso.

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

X