Meteorologia

  • 20 JUNHO 2018
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Beto Richa perde foro privilegiado e Moro assume investigação

Ex-governador do Paraná perdeu benefício ao deixar cargo para concorrer ao Senado

Beto Richa perde foro privilegiado e Moro assume investigação
Notícias ao Minuto Brasil

19:11 - 12/05/18 por Notícias Ao Minuto

Política caixa 2

O juiz federal Sérgio Moro assumiu as investigações sobre o ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB-PR). O magistrado determinou a abertura de um inquérito contra o ex-governador para apurar um suposto caixa dois em troca do favorecimento da empreiteira Odebrecht na licitação da PR-323.

Como apurado pelo G1, o prazo para que a PF e o Ministério Público Federal (MPF) dêem continuidade às investigações é de 30 dias.

O caso, que corre em segredo de Justiça, foi enviado para Moro e para a Justiça Eleitoral do Paraná no dia 26 de abril.

Richa foi citado pelo ex-executivo da Odebrecht Valter Lana e pelo ex-presidente do Setor de Operações Estruturadas da empreiteira Benedicto Júnior.

Eles disseram em delação que o ex-governador recebeu pelo menos R$ 2,5 milhões como caixa dois para campanha eleitoral em 2014. Segundo os delatores, não houve contrapartida específica.

+ Temer quer retomar reforma da Previdência após eleição

De acordo com Benedito Júnior, os valores foram lançados pela empresa como despesas no projeto de duplicação da PR-323, na qual a Odebrecht atuou.

Em nota, a assessoria de Richa informou que as doações para as campanhas do ex-governador ocorreram em conformidade com a legislação e estão amparadas pela aprovação da Justiça Eleitoral.

O caso foi enviado para Moro após Richa deixar o cargo de governador para concorrer ao Senado. Assim, ele perdeu o foro privilegiado e o processo seguiu para a primeira instância.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório