Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2020
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Trump ataca senador John McCain, que morreu em 2018

Trump decidiu atacar os opositores nas redes sociais

Trump ataca senador John McCain, que morreu em 2018
Notícias ao Minuto Brasil

13:55 - 23/09/20 por Notícias Ao Minuto Brasil

Mundo EUA/Eleições

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, atacou com violência hoje o senador republicano John McCain, que morreu em 2018, após a sua viúva declarar apoio ao candidato democrata às presidenciais, Joe Biden.

"Eu mal conheço Cindi McCain, para além de a ter nomeado para uma comissão a pedido do seu marido", escreveu Trump na sua conta pessoal no Twitter, referindo-se a um dos republicanos que, em vida, mais criticou o atual Presidente dos EUA.

"Joe Biden era o capanga de John McCain", acrescentou o Presidente, referindo-se ao seu adversário nas eleições presidenciais de 03 de novembro, antes de denunciar "as más decisões sobre as guerras sem fim" do ex-senador, que chegou a ser candidato republicano à presidência dos Estados Unidos.

"Nunca fui fã de John (McCain). Cindi devia deixar Joe dormir", escreveu Trump, que se tem referido ao adversário democrata como Joe Dorminhoco, aludindo ao que considera ser a pouca vitalidade do ex-vice-Presidente nos mandatos de Barack Obama.

O apoio de Cindi McCain a Biden, anunciado na terça-feira, é um revés para Trump, que se tem mostrado orgulhoso por ter toda família republicana do seu lado.

"Somos republicanos, sim, mas americanos em primeiro lugar. Há apenas um candidato nesta campanha que defende os nossos valores como nação e esse candidato chama-se Joe Biden", disse a viúva de McCain, na sua declaração de apoio.

Campo obrigatório